Decreto que permite abertura de empresas em residências será assinado na próxima semana

satélite
11.08.2017, 04:00:00

Decreto que permite abertura de empresas em residências será assinado na próxima semana

Por Jairo Costa Jr, com Luan Santos

O prefeito ACM Neto (DEM) vai assinar, na próxima semana, o decreto que permite abertura de empresas em residências. A ação, que integra o eixo Simplifica do programa Salvador 360, tem o objetivo de dar agilidade e economia ao processo, uma vez que não será necessário investir em um escritório virtual, por exemplo. A medida vale para companhias de todos os portes, mas tem uma limitação: as empresas não poderão atender pessoas e estocar produtos nos imóveis. Profissionais como personal trainers, consultores e empresas de vendas online, por exemplo, podem aderir.

Bons olhos
Apenas uma ONG baiana aparece no novo guia das cem melhores do país, prêmio concedido essa semana pela revista Época e Instituto Doar para as entidades com os trabalhos mais consistentes e alto índice de transparência. Sediada em Itabuna, a instituição criada por uma família de oftalmologistas atua na prevenção da cegueira e oferece tratamento gratuito.

Indicativo de greve
Após novo indicativo de insatisfação, a base do governador Rui Costa (PT) na Assembleia pode voltar a boicotar votações de projetos. As queixas são quanto à condução política tocada pelo petista e à falta de atenção dos secretários, que não atendem às reivindicações dos parlamentares. Já na última terça, nada foi votado. A tendência, avaliam parlamentares governistas e da oposição, é que um novo boicote deve ser feito caso Rui “não mude logo a articulação com a base”. A situação tem dado corpo ao chamado movimento “Volta, Wagner”, noticiado ontem na Satélite. No primeiro semestre, a bancada governista se recusou a votar projetos, por mais de dois meses, pela falta do pagamento das emendas impositivas pelo governador.

Indireta
O senador Otto Alencar (PSD) saiu em defesa de Rui. Disse que o governo está bem  avaliado e os secretários são eficientes, e ainda mandou um recado para os críticos: “Se estou insatisfeito, falo com o governador. Estou num grupo, tenho que preservar esse grupo”. O presidente da Assembleia, Angelo Coronel (PSD), e o deputado Marcelo Nilo (PSL) falaram publicamente sobre a insatisfação da base nos últimos dias.

"A naturalidade da política é a reeleição de Rui Costa" (Jaques Wagner, secretário estadual de Desenvolvimento Econômico)

Missão dada
A bancada baiana no Congresso vai fazer uma carta pedindo a intervenção do presidente Michel Temer (PMDB) no imbróglio do empréstimo de R$ 600 milhões do Banco do Brasil ao governo da Bahia. Segundo o deputado federal Félix Mendonça Junior (PDT), coordenador da bancada, o documento vai ser entregue na próxima semana ao presidente. “É uma carta suprapartidária, vamos chamar os deputados e senadores de todos os partidos para assinarem”, disse.

Ausentes
A medida foi aprovada em reunião da bancada, na última quarta, com a participação de metade dos deputados baianos, a maioria aliada ao governador Rui Costa (PT). Chamou atenção a presença de apenas três dos sete deputados correligionários do governador.

Pílula
Estratégia
 
O ex-presidente Lula (PT) vai se encontrar com prefeitos baianos durante a visita a Feira de Santana, no dia 18. A reunião está sendo articulada pelo PT estadual e pela União dos Municípios da Bahia (UPB). Lula, pré-candidato à Presidência, deverá abordar temas como o pacto federativo e a situação política nacional.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas