Destroços de foguete da China caem no Oceano Índico

mundo
09.05.2021, 10:11:00

Destroços de foguete da China caem no Oceano Índico

Nasa criticou situação: 'não cumpre padrões responsáveis'

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Os destroços do foguete chinês finalmente voltaram à atmosfera terrestre. O material caiu no Oceano Índico e não provocou danos físicos ou materiais e nenhuma pessoa.

Os pedaços do foguete foram rastreados e encontrados no oeste do arquipélago das Maldivas, na madrugada deste domingo (9). A maior parte dos componentes se desintegrou pelo forte atrito com o ar.

Os chineses aguardavam o desfecho da 'queda' do foguete Longa Marcha 5B, que pesa 18 toneladas. A aeronave reentrou na atmosfera às 10h24, horário de Pequim, final da noite de sábado (8) no Brasil, e caiu nas coordenadas de 72,47° de longitude leste e 2,65° de latitude norte, segundo informações fornecidas pelo Escritório Chinês de Engenharia Espacial.

A queda do material gerou críticas da Nasa. "Nações que fazem viagens espaciais devem minimizar os riscos para pessoas e propriedades nas reentradas na Terra e maximizar a transparência em relação a essas operações", disse Bill Nelson, ex-senador e astronauta escolhido para o cargo em março. "Está claro que a China não está cumprindo os padrões responsáveis ​​em relação a seus detritos espaciais."

As autoridades chinesas alegaram que o giro fora de controle do segmento do Long March 5B representou pouco perigo.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas