Diego Cerri confirma Bahia com times A e B para a temporada 2019

e.c. bahia
04.01.2019, 16:44:00
Atualizado: 04.01.2019, 16:46:22
Diretor do Bahia, Diego Cerri fala sobre formação do elenco em 2019 (Felipe Oliveira/EC Bahia)

Diego Cerri confirma Bahia com times A e B para a temporada 2019

Diretor falou sobre formação do elenco, saída de Edigar Junio e outras questões

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Após apresentar Guilherme com o quarto reforço do Bahia para a temporada, o diretor de futebol Diego Cerri foi sabatinado pela imprensa presente no Fazendão e entre algumas questões que respondeu, confirmou que o o elenco será dividido neste início de ano. 

“Vamos desenvolver em paralelo equipe B e equipe A. Hoje, uma equipe vai estar trabalhando no campo com Claudio Prates. E no outro campo vai estar o Enderson com a equipe A. Os atletas do grupo B são os do sub-23 do ano passado com algumas contratações, a exemplo do Caíque, que veio do São Paulo", explicou o dirigente. 

A "base" do grupo B irá atuar no Campeonato Baiano, com alguns jogadores que não forem relacionados para os confrontos de Copa do Nordeste, Copa do Brasil ou Sul-Americana. Como explicou Diego, não será nada engessado, e atletas que se destacarem podem ser alçados ao chamado time A. 

Como Caíque, citado por Diego Cerri, ainda não chegou em Salvador, o grupo B que treinou sob o comando de Claudio Prates na tarde desta sexta-feira no Fazendão teve Jaques, Luis Fernando, Willean Lepu, Geovane Itinga, Rodrigo, Gustavo Balotelli, Felipinho, Lucimário e Gabriel. Este último é atacante formado na base do Vitória, com passagem pelo Fortaleza e que está em período de testes no Fazendão. 

Saída de Edigar Junio e chegada de Jean Mota

Entre outros assuntos, Cerri falou sobre a proposta do Yokohama Marinos, do Japão, pelo atacante Edigar Junio, que sairá por empréstimo de uma temporada com opção de compra do clube japonês. 

“Ainda não foi para o futebol japonês. Ele é um dos atletas mais antigos do elenco, muito correto. Nos fez um apelo de que é um momento importante da carreira e queria ter essa oportunidade. E nós estamos considerando eventual ida”, disse. 

Sobre Jean Mota, pretendido pelo Bahia e que se apresentou no Santos, ele está confiante em finalizar a negociação. “Nós fizemos uma proposta de empréstimo junto ao Santos. Ainda faltam alguns detalhes, ele é jogador do Santos, e temos que respeitar. O atleta tem interesse em vir”, pontuou. 



***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas