Eduardo Costa diz que é 'semi-gay': 'Faço tudo, menos dar o fiofó'

em alta
23.07.2021, 15:45:00
Atualizado: 23.07.2021, 16:01:57

Eduardo Costa diz que é 'semi-gay': 'Faço tudo, menos dar o fiofó'

Cantor também disse que é viciado em sexo

A sexualidade quando foge do espectro heterossexual torna-se algo complexo e cheia de nuances, onde cada um tem a sua letra (ou não) da sigla LGBTQIA+. Em meio a este emaranhado de siglas, o cantor sertanejo Eduardo Costa tenta emplacar uma nova, apresentando o conceito de "semi-gay".

De acordo com o artista, que seria um desses "semi-gays", esta sexualidade seria referente aos homens que fazem todo o cortejo homossexual, mas recuam na hora de ser passivo no sexo anal.

"Eu sou um cara muito organizado, muito ajeitado, tudo muito arrumado. Eu sou um semi-gay, eu faço tudo que um 'viado' faz, só não dou o c*", afirmou em entrevista ao podcast Conceito Sertanejo.

Além desta preferência, o cantor também garantiu que é viciado em sexo. A rotina de 15 transas, quantidade que ele garante praticar, por semana pode parecer uma maravilha, mas tornou-se um problema. Tanto que, atualmente, ele faz um tratamento para tentar controlar sua libido.

Saiba mais: Eduardo Costa revela tratamento para vício em sexo: 'Transo 15 vezes por semana'

"Eu gosto tanto de sexo quanto eu gosto de cantar. Eu gosto de mulher, eu gosto de transar, eu gosto de sexo demais. Se eu pudesse, ficava o dia inteiro fodend*", disse o famoso, ressaltando que "passa a noite inteira trepando".

"Tenho problema com isso [sexo], rapaz, eu faço umas 15 vezes por semana, eu tô falando sério", continuou o sertanejo, pontuando que já foi ao médico para tratar do assunto. "Ainda tô fazendo tratamento para dar uma segurada", completou.

Na entrevista, Eduardo Costa também admitiu que já brochou algumas vezes enquanto estava transando, mas negou que tenha feito uso de viagra. Ainda, o cantor desmentiu rumores de que ele tenha "cantado" as mulheres de seus amigos, mas confessou que já foi infiel quando esteve em um relacionamento sério.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas