Eleições 2020: vai começar Sabatina do Correio com candidatos à prefeitura

salvador
16.10.2020, 05:00:00
Atualizado: 16.10.2020, 15:22:28
(Foto: Divulgação)

Eleições 2020: vai começar Sabatina do Correio com candidatos à prefeitura

Oito dos nove candidatos à prefeitura de Salvador vão responder perguntas dos leitores, da redação, de entidades e especialistas; projeto se inicia segunda (19)

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Apertando os botões da urna, o eleitor elege o futuro de toda cidade pelos próximos quatro anos. O voto é uma escolha e como decidir sem saber se o candidato vai resolver os problemas de Salvador? Para te auxiliar nesse processo, o CORREIO realiza uma série de sabatinas com os postulantes à prefeitura entre esta segunda (19) e a próxima sexta-feira, no Instagram, Youtube e Facebook do jornal. 

Com a mediação do editor Donaldson Gomes, oito dos nove aspirantes ao posto no executivo municipal vão responder a perguntas de entidades, especialistas, da redação e da população no tempo de uma hora. Prezando pela democracia, o jornal convidou todos os candidatos à prefeitura. Apenas o Pastor Sargento Isidório (Avante) recusou o convite, afirmando que só tem agenda em novembro.

Como em todos os projetos da cobertura das Eleições 2020, por meio da Sabatina CORREIO, o jornal busca dialogar e ser um elo entre o eleitor e o candidato: “Na sabatina, o candidato tem a oportunidade de esquecer da disputa e focar no mais importante para o eleitorado, que é o projeto que ele tem para Salvador”, afirma Linda Bezerra, editora-chefe do CORREIO, ressaltando o papel do jornalismo para fortalecimento da democracia. “Além das perguntas da redação e das entidades, os eleitores vão participar. Vamos até a Estação da Lapa ouvir perguntas de eleitores aos candidatos. Isso é muito bacana porque, normalmente, os votantes fazem perguntas sobre problemas que enfrentam”, pontua Donaldson Gomes. 

A Sabatina CORREIO é um palco para os candidatos, o que também significa que os eleitores poderão analisar a performance de cada postulante. “Quem tem um programa de governo bem estruturado pode se sair bem em meio às perguntas sobre temas variados, já aqueles que não possuem uma ideia mais certeira do que quer para o futuro de Salvador, podem escorregar”, ressalta Donaldson.

“Essa é uma das poucas oportunidades que o candidato tem de detalhar  suas propostas de governo. Nessa eleição, esse espaço é mais valioso ainda pela pandemia, o que reduz a realização de debates; e a cláusula de barreira, que deixou dois candidatos à prefeitura em Salvador de fora do horário eleitoral gratuito”, afirma o editor.

Linda concorda que a sabatina é um método capaz de mostrar “o real preparo dos candidatos por abordar temas variados com base na pergunta de diferentes representantes da sociedade”.  Até o final do 1º turno, o CORREIO publicará mais duas pesquisas do Ibope, contratadas pela Rede Bahia. Um primeiro levantamento foi publicado pelo jornal em 5/10, com indicação de vitória de Bruno Reis no primeiro turno.

Informação, didatismo e serviço serão pilares da cobertura do CORREIO
A Sabatina do CORREIO é apenas um dos projetos da Cobertura das Eleições 2020 do jornal. Para levar as informações aos leitores, o jornal atua com diversas plataformas, desde as redes sociais até o impresso. O trabalho é baseado nos seguintes pilares: bastidores, serviço, conversa com o povo, didatismo, curiosidades, jornalismo cidadão, jornalismo de dados e factual.

Nessa cobertura, o jornal vai até o leitor na plataforma que cada um mais usa para se informar. “Nós não podemos falar para apenas um tipo de eleitor, por isso, temos que ter conteúdos para todas as plataformas. Quem gosta de se informar com podcast, vai encontrar conteúdo nesse formato, quem gosta do site, também vai acessar informações por esse meio”, ressalta Jorge Gauthier,  responsável pelas  ações digitais e de engajamento.

 Como a pandemia mudou as configurações das eleições, o CORREIO deseja amplificar a voz do eleitor para que as demandas cheguem até os candidatos, aponta a gerente de marketing do jornal, Marta Sousa: “Nessa eleição, não se deve ter corpo a corpo. Por isso, queremos estar perto do candidatos e dos eleitores”.

A cobertura das eleições em meio a uma pandemia também levanta a questão da segurança da equipe. Neste aspecto, o jornal orienta que repórteres e fotógrafos tomem o devido cuidado. “Adotaremos critérios para realizar a cobertura sem colocar a equipe em risco”, completa Linda.
 A cobertura ampla reforça o papel que o jornalismo tem para o exercício da cidadania, acredita Linda Bezerra: “O vozes da Comunidade é um projeto que reforça a importância do eleitor  usar o jornal, que é o veículo de maior circulação no Nordeste e um dos portais mais acessados do país, para chamar atenção dos problemas que quer ver resolvidos pelo candidato que se eleger”.

Através do projeto, o jornal pergunta para a população qual é a necessidade do seu bairro e dá o espaço para que todos possam mandar suas  sugestões, respondidas pelos candidatos. No dia da eleição, a equipe vai informar os eleitores, ao vivo, diretamente de várias zonas eleitorais da capital, assim como informações das principais cidades da Bahia, com postagens no Instagram, Reels, Tiktok, Facebook e Youtube.

O trabalho já começou  com o foco no pleito deste ano, como a reportagem que traz levantamento dos candidatos mais ricos da Bahia. “Saber o patrimônio de um postulante é importante para que a população possa acompanhar se está fazendo bom uso do recurso público”, avalia  a editora-chefe. 
Além dessas ações, a cobertura das eleições ainda inclui a postagem de cards e vídeos no Tik Tok e Reels com serviço e curiosidades; podcasts didáticos; uma série de live-entrevistas no IG do Me Salte com os candidates a vereador de Salvador; Minuto eleitoral; Conexão Nordeste; Reels e TikTok com raio-x das funções; divulgação de informações em grupos do Whatsapp do jornal e divulgação de artigos e textos no Linkedin.

Parceiras do CORREIO, ITS Brasil e da E_studio garantem a conexão
Realizar uma sabatina virtual com distribuição em três plataformas não é tarefa fácil. Para conseguir dar conta do recado, o CORREIO conta com as parcerias da ITS Brasil e da E_studio, que fornecem apoio técnico e internet de qualidade para o projeto. Responsável pela tecnologia do streaming e a realização digital da live, a E_studio tem uma grande responsabilidade nas mãos por ter que garantir que todos os convidados da sabatina tenham o mesmo espaço, aponta o sócio proprietário da empresa, Márcio Ribeiro: “Desde o começo, sabíamos da responsabilidade que era atuar nesse projeto. Estamos dando voz para a pessoa que vai governar nossa cidade pelos próximos 4 anos”, explica Ribeiro. 

 A internet de qualidade é garantida pela ITS Brasil, que tem parceria com o CORREIO desde lives de São João. Segundo o diretor comercial da companhia baiana, Naydson Leite, a ITS Brasil abraçou a causa por saber o papel que a informação tem na decisão de voto: “Acreditamos que as pessoas que estão em casa precisam saber escolher os candidatos com base em informação de qualidade. Por isso, ampliamos essa parceria”.

Na pandemia, a ITS Brasil realizou mais de 300 lives patrocinadas, mas a empresa não é recente. Com 17 anos de mercado, a companhia tem com foco a oferta de internet dedicada de qualidade para o cliente corporativo. Mesmo em caso de algum imprevisto, a empresa restabelece a conexão em até 4h.

A E_studio foi criada na pandemia com a união de duas empresas: a R2 Eventos e a Sakamoto Produções. Com o coronavírus, Fábio Sakamoto e Mariana Sakamoto juntaram as forças com Márcio Ribeiro para criar a companhia especializada em eventos virtuais por meio de streaming.

Como acompanhar

Plataformas: Youtube, Facebok e Instagram

Horários
19/10
11h às 12h -
Major Denice (PT)
13h às 14h - Cezar Leite (PRTB)

20/10
11h às 12h -
Bacelar (Podemos)
13h às 14h -  Celsinho Cotrim (Pros)

21/10
13h às 14h -
Hilton Coelho (Psol)

22/10
11h às 12h -
Olívia (PCdoB)
13h às 14h - Rodrigo Pereira (PCO)

23/10
13h às 14h - Bruno Reis (DEM)

*Com orientação da chefe de reportagem Perla Ribeiro

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas