Em negociação com Bahia, Grupo City mira coordenador do Palmeiras

e.c. bahia
21.04.2022, 15:33:00
João Paulo Sampaio é o coordenador das categorias de base do Palmeiras desde 2015 (SE Palmeiras/Divulgação)

Em negociação com Bahia, Grupo City mira coordenador do Palmeiras

Multicampeão nas categorias de base do Verdão, João Paulo Sampaio está no radar do City Football Group

O Bahia está em negociação avançada para se tornar uma Sociedade Anônima do Futebol (SAF), e está cada vez mais próximo de fechar um acordo com o Grupo City. O dono do Manchester City, aliás, já busca profissionais para o Esquadrão, e tem na mira um multicampeão pelo Palmeiras.

O City Football Group fez contato com João Paulo Sampaio, coordenador das categorias de base do clube paulista, para fazer parte do projeto no tricolor. A informação foi divulgada inicialmente pelo site Bara Bahêa e confirmada pelo CORREIO.

Inicialmente, a intenção do Grupo City seria colocar Sampaio como diretor de futebol do Bahia. Mas ele só deve se reunir com o fundo árabe caso o negócio com o Esquadrão seja fechado.

Ex-jogador, João Paulo chegou ao Palmeiras em 2015, após coordenar a base do Vitória por oito anos. Hoje é visto dentro do clube paulista como peça fundamental do sistema responsável pela revelação de jogadores talentosos para o time principal. 

No vitorioso projeto, o dirigente vem empilhando títulos e, em 2022, conquistou Copa São Paulo de Futebol Júnior. Também faturou recentemente os campeonatos Paulistas sub-15 e sub-20 com o Verdão.

No início de abril, o CORREIO divulgou algumas informações sobre o contrato que vem sendo discutido entre Bahia e o fundo árabe. O tricolor venderia 90% da sua SAF em troca de um investimento de R$ 650 milhões, que seria realizado em três anos. 

Caso o martelo seja batido, o Esquadrão receberia R$ 50 milhões em julho e mais R$ 150 milhões em caso de acesso à Série A do Brasileirão, totalizando R$ 200 milhões de aporte no primeiro ano. 

Ao todo, o Grupo City conta com 11 clubes, incluindo o time de Manchester. Além da equipe inglesa, há ainda: Montevideo City Torque (Uruguai), Bolívar (Bolívia), Troyes (França), Lommel SK (Bélgica), Girona (Espanha), Mumbai City (Índia), Sichuan Jiuniu (China), Yokohama F. Marinos (Japão), Melbourne City (Austrália) e New York City (Estados Unidos).

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas