Entenda como funciona a verificação dos candidatos às cotas raciais na Ufba

bahia
31.01.2019, 05:00:00
Atualizado: 31.01.2019, 20:44:20
(Marina Silva/CORREIO)

Entenda como funciona a verificação dos candidatos às cotas raciais na Ufba

Processo tem quatro etapas e se encerra nesta quinta-feira (31)

Ser aprovado pelo sistema de cotas da Universidade Federal da Bahia (Ufba) não é novidade para Filipe Moreira, 26 anos. Formado em Jornalismo há dois anos, ele fez novamente a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), para realizar um antigo sonho: cursar Dança. Apesar de ter repetido o feito da aprovação, o processo, desta vez, foi diferente.

O que muda, é que, para evitar fraudes no sistema de cotas, a Ufba adotou uma nova medida. Nesta terça-feira (30), iniciou um processo de verificação dos cerca de 1.900 candidatos que se autodeclararam negros (pretos ou pardos) e que foram aprovados no Sistema de Seleção Unificada (Sisu), para concorrer a uma das vagas de cotista para o primeiro semestre deste ano. A aferição será encerrada na quinta-feira (31). O edital, disponível aqui, contém um quadro (anexo I), com o curso, o local, a data e o horário em que o aluno deverá comparecer à unidade de ensino. 

Às 7h45, estudantes já se aglomeravam no Pavilhão de Aulas da Federação VI (Paf VI) para fazer a verificação. Os cursos mais procurados eram Administração, Arquivologia, Biblioteconomia e Documentação, Ciências Contábeis Noturno, Ciências Contábeis, Ciências Econômicas e Secretariado Executivo. 

“O processo foi muito tranquilizador. Os avaliadores não estavam ali para apontar o dedo para ninguém e dizer que a pessoa é branca ou preta. Isso foi muito bom”, avaliou Filipe Moreira.

Como funciona a dinâmica?
O processo é dividido em quatro etapas. Na primeira, o aluno chega ao prédio de aulas, apresenta documento com foto e é encaminhado para um auditório, onde escuta a trajetória dos 30 membros da banca de avaliação que, segundo a Pró-Reitora de Ações Afirmativas e Assistência Estudantil, Cássia Maciel, é composta por servidores federais oriundos da Ufba, Ifba e UFRB “com alguma experiência em questões sociais e de raça”.

Na segunda etapa, todos assistem a uma palestra, que nesta quarta-feira (30) foi ministrada por Cássia Maciel e pelos chefes da banca, onde são abordados temas como a história das cotas no Brasil, funcionamento do processo de avaliação e a necessidade de existir essa verificação. 

Ao fim da palestra, os alunos passam para a terceira fase, onde são divididos, aleatoriamente, em grupos de sete pessoas, dispostos em salas com cinco avaliadores. Os candidatos recebem um papel e respondem como se declararam no Sisu: negro de cor preta ou pardo. Depois disso, respondem a algumas perguntas feitas pela banca, relativas à identificação racial, e podem sugerir melhorias para o processo avaliativo dos cotistas.

Na quarta e última etapa da aferição, os estudantes são encaminhados para uma sala e um funcionário da própria Ufba tira uma foto para anexar ao processo individual de cada aluno. Na saída, os candidatos ainda têm a opção de gravar um depoimento falando como foi a experiência na avaliação, deixando suas impressões e avaliando as condições do projeto.

Os candidatos serão informados se estão aptos ou não já nesta quinta-feira (31), quando a Ufba publicará a lista de aprovados no site ingresso.ufba.br.

Cássia Maciel é Pró-Reitora de Ações Afirmativas e Assistência Estudantil da Ufba (Foto: Marina Silva/CORREIO)

Pode recorrer?
O edital prevê que os candidatos que tiverem a situação indeferida, ou seja, aqueles que não forem aprovados pela banca, têm direito a entrar com um recurso junto à Ufba, para que a situação seja revista e a banca explique os motivos pelos quais vetou a vaga ao candidato.

Os estudantes que passarem por essa situação terão até dois dias úteis para enviar um e-mail à Coordenação de Seleção e Orientação (Csor), através do endereço ssoa@ufba.br, que deve ser sinalizado com o assunto "Recurso autodeclaração". 

Caso haja novo indeferimento, o candidato será eliminado, sem direito a recorrer novamente.

Discordância
O  estudante Alex Vasquez, 30 anos, que cursa o 8º semestre de Direito e é um dos integrantes do comitê antifraude da Ufba, diz que “a comissão deveria ser transparente e respeitar o princípio da legalidade, além de ter a participação da comunidade acadêmica na escolha dos membros”.

“A gente deveria saber antes quem faz parte dessa comissão, porque imagina se algum candidato tem parentesco ou qualquer outra relação com um dos jurados? Isso não pode acontecer. A comunidade acadêmica deveria acompanhar tudo de perto”, disse.

Segundo a pró-reitora Cássia Maciel, todas as etapas da verificação foram feitas com muita cautela. "Sabemos que a entrada na Universidade é um momento de grande euforia e expectativa, mas precisamos disso para evitar as fraudes que sabemos que aconteceram na Ufba”, explica pró-Reitora.

"Tem que ser um método acolhedor, que não intimide o aluno. Por isso, fazemos questão de explicar todo o processo e ser gentil desde a chegada deles", completa.

Ela explica ainda que, para perder a vaga de cotista, é necessário que todos os cinco membros da banca julguem que o candidato não apresenta traços fenotípicos de pessoas pretas e pardas. Também são eliminados do processo os estudantes que não comparecerem à verificação.

Segundo Cássia Maciel, essas medidas são importantes para humanizar e tranquilizar os alunos, que devem se sentir confortáveis durante a avaliação.

Aprovado no Bacharelado Interdisciplinar de Ciência e Tecnologia após a segunda tentativa no Enem, o estudante Pedro Mariano Souza, 22, saiu da universidade animado. Nascido em Cafarnaum, no Centro-Norte do estado, ele conta que já ouviu relatos de pessoas que perderam as vagas para outros que não tinham o direito ao acesso por cotas. Por isso, a avaliação traz tranquilidade ao jovem.

“Já estou me instalando em Salvador, estou em uma república que abriga pessoas de minha terra. O processo foi tranquilo e em nenhum momento me senti coagido”, apontou Pedro Mariano.

Força-tarefa
Para a realização da verificação, a Ufba utilizou 1,8 mil funcionários, entre servidores técnicos e administrativos. Os candidatos entrevistados pelo CORREIO no PAF VI apontaram que levaram entre 40 minutos e 1h para concluir a aferição. Não houve registro de atrasos.

Em Salvador, são feitas as verificações para os campi da Ufba da capital e de Camaçari, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Também acontecem aferições no campus da Ufba de Vitória da Conquista, que fica no Instituto Multidisciplinar em Saúde da universidade.

Moradora de Dias D’Ávila, na RMS, a estudante Thamirys Albuquerque, 20, vai cursar a faculdade pela primeira vez. Ela foi também foi aprovada para o curso Bacharelado Interdisciplinar em Ciência e Tecnologia, mas, diferente do colega Pedro Mariano, vai estudar no campus de Camaçari.

Ela também viveu o processo de verificação e comemorou a medida que, segundo acredita, evita fraudes e garante que as vagas por cota sejam ocupadas por quem realmente tem direito.

Thamirys Albuquerque foi aprovada e quer cursar o Bacharelado Interdisciplinar em Ciência e Tecnologia (Foto: Marina Silva/CORREIO)

Confira horários e cursos de aferição na quinta-feira (31)
Campus Salvador
07h45
- Enfermagem / Farmácia - Noturno / Farmácia / Fisioterapia - Diurno - Bacharelado / Fonoaudiologia / Medicina / Medicina Veterinária / Odontologia.

09h00 - Ciência da Computação - Bacharelado / Computação - Licenciatura - Noturno / Estatística - Bacharelado / Física - Licenciatura - Noturno / Física - Lic. e Bach. / Licenciatura em Ciências Naturais / Matemática - Lic. e Bach. / Matemática - Licenciatura - Noturno / Sistemas de Informação - Bacharelado – Noturno. 

10h15 - Ciências Sociais - Lic. e Bach / Comunicação - Jornalismo / Comunicação - Produção em Comunicação e Cultura / Direito - Noturno / Direito / Estudos de Gênero e Diversidade - Bacharelado - Noturno / Psicologia - Formação de Psicólogo / Serviço Social – Bacharelado.

13h00 - Filosofia - Lic. e Bach. / História - Licenciatura - Noturno / História - Lic. e Bach. / Letras Vernáculas - Licenciatura - Noturno / Letras Vernáculas - Lic. e Bach. / Letras Vernáculas e Língua Estrangeira Moderna - Licenciatura / Língua Estrangeira - Inglês/Espanhol - Licenciatura- Noturno / Língua Estrangeira Moderna ou Clássica - Lic. e Bach. / Museologia / Pedagogia – Licenciatura.

14h15 - BI em Humanidades - Bacharelado - Diurno / Educação Física - Licenciatura / Gastronomia - Bacharelado - Noturno / Nutrição / Química - Lic. Bach. e Quím. Industrial / Química - Licenciatura - Noturno / Zootecnia.

15h30 - BI em Humanidades - Bacharelado - Noturno

Campus Camaçari
10h15 - BI em Ciência e Tecnologia - Diurno

Campus Vitória da Conquista
07h45
- Medicina / Enfermagem 
09h45 - Biotecnologia / Farmácia 
13h00 - Nutrição / Ciências Biológicas - Bacharelado 
15h00 Psicologia
 


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/emicida-lanca-amarelo-musica-em-parceria-com-majur-e-pabllo-vittar/
Faixa contém sample de Belchior e ganhou clipe emocionante nesta terça (25); veja
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/assista-glenn-greenwald-fala-na-camara-sobre-as-mensagens-da-lava-jato/
Jornalista disse que 'não dá para combater corrupção com corrupção'
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/tv-cultura-cria-novo-canal-no-youtube-para-exibir-programas-antigos/
Castelo Rá-Tim-Bum, Confissões de Adolescente e Mundo da Lua serão disponibilizados a partir de quinta (27)
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/policiais-militares-e-espadeiros-entram-em-confronto-em-senhor-do-bonfim/
Atividade é proibida desde 2017, mas testemunhas acusam PMs de truculência
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/jotape-lanca-single-em-parceria-com-bia-ferreira/
Prévia de EP do músico, a faixa Conte Comigo mescla MPB, rap, pop e R&B
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/video-mostra-evolucao-tecnica-em-animacoes-da-pixar-desde-1995/
Desde o primeiro Toy Story, a Pixar produziu 21 filmes de animação
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/sao-joao-em-versos-de-poesia-e-letra-de-musica/
Confira últimos vídeos da websérie especial São João na Estrada
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/nicki-minaj-lanca-musica-nova-ouca-megatron/
Megatron já é cotada como novo hit do verão americano
Ler Mais