Estado assina contrato de R$ 197 milhões para Obras Sociais Irmã Dulce

bahia
01.07.2022, 16:37:00
(Manu Dias/GOVBA)

Estado assina contrato de R$ 197 milhões para Obras Sociais Irmã Dulce

O aporte anual, no valor de R$ 19,4 milhões, traz um fôlego à instituição que vive hoje a pior crise financeira da sua história, com um déficit acumulado superior a R$ 30 milhões

Em evento evento realizado na sede das Obras Sociais Irmã Dulce (OSID), em Salvador, nesta sexta-feira (1º),  o governador da Bahia, Rui Costa, e a secretária da Saúde do Estado, Adélia Pinheiro, assinaram nesta sexta-feira (1º) uma portaria de incentivo financeiro, no valor de R$ 19,4 milhões por ano, às Obras Sociais Irmã Dulce - instituição que enfrenta hoje a pior crise financeira da sua história, com séria ameaça à continuidade dos serviços prestados à população baiana.

A solenidade, realizada na sede da entidade, no espaço do antigo galinheiro - onde Santa Dulce chegou com os primeiros 70 doentes em 1949, contou com a presença da superintendente da OSID, Maria Rita Pontes; do presidente do conselho da organização, José Carvalho Júnior; além de profissionais das Obras; do senador Otto Alencar e demais autoridades.

“Esse momento é muito importante, pois já estávamos pensando na descontinuidade das Obras Sociais, e hoje essa ajuda nos traz fôlego para continuar atendendo a população, principalmente os mais necessitados. São 63 anos de existência, uma obra de amor fundada por Santa Dulce dos Pobres, e que não pode parar. O aporte representa uma esperança de mantermos nossas portas abertas. Meu coração é só gratidão”, disse Maria Rita, bastante emocionada.

Contudo, segundo a superintendente da OSID, a luta da instituição continua, pois há um déficit acumulado superior a R$ 30 milhões que segue pressionando a entidade fundada por Santa Dulce dos Pobres. “A ajuda do governo estadual é uma luz para que a instituição não tenha que suspender os serviços. Mas o desafio continua. Seguimos precisando da ajuda de toda a sociedade para continuar atendendo o pobre, o doente, o mais necessitado”.

Durante a solenidade, Rui Costa destacou a importância das Obras Irmã Dulce para a Bahia. “Esse aporte financeiro é mais do que merecido, não apenas pela história desta instituição. A OSID é extremamente importante dentro da rede de assistência à Saúde e cumpre, com qualidade, um papel extraordinário no apoio à rede pública e estadual”, afirmou o governador. Rui Costa disse ainda, que vai ajudar a entidade na ampliação dos serviços de alta complexidade: “O governo do estado vai custear as obras de ampliação para que a instituição melhore o perfil de alta complexidade, e com isso melhore também o seu faturamento dentro do normativo do SUS”.

Sobre a ampliação física que será realizada pelo Estado, Maria Rita explicou quais são os serviços que passarão a ser ofertados. “Comentamos com o governador sobre essas necessidades e ele, com muita sensibilidade, garantiu a sala de ressonância, para implantarmos o equipamento que já adquirimos, e o hospital dos olhos, obra de muita importância e também de alta complexidade”.

Titular da pasta estadual da Saúde, Adélia Pinheiro, ressaltou que “a entidade filantrópica é estratégica para o estado, pois oferta leitos para a Central Estadual de Regulação em diversas especialidades clínicas, cirúrgicas, oncológicas, dentre outras, além de leitos de UTI adulto e pediátrico”.

 A instituição da Santa Dulce dos Pobres atravessa uma crise financeira sem precedentes, com um déficit operacional superior a R$ 30 milhões. O delicado momento é resultado do subfinanciamento do SUS, cujo contrato não é reajustado há 5 anos – cenário esse agravado pela pandemia do novo Coronavírus e pelo avanço da inflação nos preços dos insumos, como material hospitalar e medicamentos.
 
Campanhas solidárias
Diante da situação crítica que a OSID vem atravessando, foi lançada, no mês de abril, a campanha “Um Milhão de Amigos Para Santa Dulce”. As doações para a campanha em ajuda às Obras Sociais podem ser feitas, a partir de R$ 10, através do PIX amigos@irmadulce.org.br, ou pelo site www.1milhaodeamigossantadulce.org.br.

Também é possível ajudar a instituição doando através da conta de energia, a partir de uma parceria entre a OSID e a Neoenergia Coelba. O cliente que desejar fazer uma doação mensal para a entidade deve entrar em contato com a Central de Relacionamento com o Doador (CRD) das Obras, através do telefone (71) 3316-8899, e fornecer o número da conta contrato de sua residência. 


Sobre a Osid

A entidade filantrópica é composta de 21 núcleos, 20 deles no Largo de Roma, na Cidade Baixa, em Salvador. No outro núcleo, a Osid mantém o Centro Educacional Santo Antônio (CESA), uma escola em tempo integral, com foco na qualidade do ensino básico que atende mais de 800 crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social.

Atualmente, a entidade filantrópica abriga um dos maiores complexos de saúde 100% SUS do país, com cerca de 3,5 milhões de procedimentos ambulatoriais por ano a usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), idosos, pessoas com deficiência e com deformidades craniofaciais, pacientes sociais, pessoas em situação de rua, usuários de substâncias psicoativas e crianças e adolescentes em situação de risco social.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas