Estoque de imóveis novos em Salvador encolheu 30%, diz Ademi-Ba

economia
05.05.2017, 04:40:00

Estoque de imóveis novos em Salvador encolheu 30%, diz Ademi-Ba

Número de novas unidades lançadas no ano passado foi de 3.347

Em um cenário ainda de recessão no setor imobiliário, o número de unidades disponíveis em Salvador caiu 30%, em média, entre dezembro de 2015 a dezembro de 2016. A informação é da Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário da Bahia (Ademi-Ba).

Segundo a entidade, no ano passado, 3.347 unidades foram lançadas, enquanto 5.730 unidades foram comercializadas. O número baixo de lançamentos reflete a preocupação das construtoras em reduzir estoques para conter as perdas no setor, e então retomar o ritmo dos novos empreendimentos.

“Os produtos em estoque foram lançados no mercado há quatro ou cinco anos e estão em fase final de construção ou prontos. Para o consumidor, significa que esses imóveis estão com preços mais em conta, sem os reajustes dos insumos da construção recentes”, afirma o presidente da Ademi-Ba, Cláudio Cunha. “Esse momento é bom para os dois lados. O consumidor consegue preços melhores e a incorporadora viabiliza a venda”.

Prontas ou quase
Em Salvador, das unidades disponíveis para compra, cerca de 40% estão prontas para morar e o restante em fase final de obras, e devem ser entregues em até um ano.

Com este cenário no mercado imobiliário, o consumidor pode ter descontos, mas para as construtoras, principalmente nas unidades que já estão prontas, representam prejuízos, por causa dos custos como condomínio e manutenção, por isso a intensificação de feiras e ofertas para atrair o consumidor.

“Estamos otimistas com as vendas e retomada da economia. Os lançamentos de empreendimentos devem voltar acontecer no terceiro trimestre deste ano e retomar ao fluxo normal em 2018”, conclui o presidente da Ademi-Ba.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas