Feira de Santana decreta estado de emergência após casos de coronavírus

bahia
13.03.2020, 18:14:00
Atualizado: 16.03.2020, 06:48:07
(Arisson Marinho/CORREIO)

Feira de Santana decreta estado de emergência após casos de coronavírus

Cidade já concentra quatro infectados

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Prefeitura de Feira de Santana decretou estado de emergência após os quatro casos confirmados de coronavírus na cidade. O decreto foi assinado pelo prefeito Colbert Martins Filho por conta da ameaça de uma epidemia da doença na cidade.

O anúncio foi feito pela gestão municipal nesta sexta-feira (13), em evento que reuniu secretários, Ministério Público, dirigentes de entidades de classes e empresários.

“Este é um momento decisivo. Diante de uma ameaça real de crescimento dos números de pessoas infectadas, a nossa maior preocupação é com saúde da população. Cuidar de gente é o que fiz a vida inteira; cuidar de gente é o que eu sei fazer na minha profissão”, afirma o prefeito, que é também médico.

Clique aqui para saber tudo sobre o coronavírus com informações confirmadas pelo jornal CORREIO

Um parecer técnico também foi emitido pelas secretarias de Saúde do Município e do Estado sobre os riscos de transmissão do vírus em grandes aglomerações. Por conta disso, a Micareta de Feira, que aconteceria entre os dias 23 e 26 de abril, foi adiada por tempo indeterminado.

Além disso, segundo a prefeitura, "todos os eventos coletivos e de massa, que a prefeitura tenha participação ou autorize, estão suspensos a partir desta sexta-feira até que o país se apresente com uma situação de bloqueio da transmissão da doença".

O prefeito também anunciou medidas para o enfrentamento do coronavírus, como a criação do comitê específico para tratar do coronavirus, que é dirigido pela infectologista, Melissa Falcão.

Casos confirmados
Feira de Santana tem quatro casos de coronavírus confirmados pelo Laboratório Central da Bahia (Lacen). O primeiro deles foi uma mulher de 34 anos que viajou para Milão e Roma, na Itália, e voltou infectada.

Ela transmitiu o vírus para a empregada doméstica de 46 anos, que trabalha em sua casa, que passou o vírus para os pais, ambos idosos, grupo de risco. Com exceção da patroa, que já teve cumpriu o período de quarentena, todos os pacientes estão em isolamento domiciliar e monitorados pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Há ainda outros três casos confirmados de coronavírus no estado, sendo os três de Salvador.

Não se informe com fake news! Clique nesse link e tenha acesso 24h a notícias sobre o coronavírus atualizadas, apuradas e confirmadas pelo jornal CORREIO. http://bit.ly/TudoCoronavirus

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas