Filha de baronesa é salva de ataque de crocodilo por amigo que deu socos no bicho

em alta
03.12.2021, 10:20:42
Atualizado: 03.12.2021, 10:54:41

Filha de baronesa é salva de ataque de crocodilo por amigo que deu socos no bicho

Jovem britânica ficou muito ferida e está internada na Zâmbia

Uma turista britânica viveu momentos de pânico enquanto era atacada por um crocodilo de três metros no Rio Zambeze, na Zâmbia. A jovem de 18 anos, no entanto, foi salva por um amigo corajoso, que entrou na água e deu socos no réptil quando ele já fazia a vítima girar sob a água, movimento feito pelo predador para aniquilar as vítimas.

O ataque a Amelie Osborn-Smith, de 18 anos, ocorreu enquanto ela estava em uma parada do rafting perto das famosas Cataratas Vitória.

Após o amigo começar a revidar o ataque do bicho, outros entraram na água para ajudar. "Foi um caos. Havia sangue e pessoas se debatendo por toda parte. Ela tem sorte de estar viva", disse ao "Sun" uma testemunha do ataque.

Amelie foi levada de helicóptero a um hospital em Lusaka, capital do país, onde passou por cirurgias. Brent Osborn-Smith, de 60 anos, o pai da vítima, disse que o britânica se encontra em estado estável. Segundo ele, a filha se sentiu segura para nadar após ser informada por guias que a área era segura.

"Graças à intervenção de outros, ela sobreviveu e está recebendo cuidados apropriados. É um grande choque para a família", disse a baronesa alemã Veronika von Pfetten-Arnbach, a mãe da jovem.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas