Fiscalização encerra duas festas com aglomeração em Feira no final de semana

bahia
02.08.2021, 10:28:00
(Divulgação/Prefeitura de Feira de Santana)

Fiscalização encerra duas festas com aglomeração em Feira no final de semana

Um dos eventos reunia 200 pessoas e o outro 100

A Fiscalização Preventiva Integrada (FPI) de Feira de Santana encerrou duas festas com aglomerações na cidade no último final de semana. No último sábado, fiscais de órgãos municipais e da Segurança  Pública encontraram no espaço de eventos Quintal dos Bambas, na Av. João Durval  Carneiro, pelo menos 200 pessoas. Todas aglomeradas e desrespeitando as recomendações das autoridades sanitárias no combate ao coronavírus.
 
Já na noite da última sexta-feira (30), a fiscalização acabou com uma festa no bairro Asa Branca, por descumprir as recomendações das autoridades de saúde para conter a disseminação do coronavírus. Pelo menos 100 pessoas estavam aglomeradas em um espaço particular para eventos.

Após encerrada, todos receberem recomendações sobre as medidas de segurança devido à pandemia e foram orientados a dispersarem do ambiente onde ocorria a festa clandestina.

A Prefeitura de Feira reitera que a ação integrada da FPI de fiscalização continua por toda a cidade identificando e coibindo o descumprimento do horário de funcionamento do Toque de Recolher (00h30 às 5h), conforme decreto municipal, que estabelece restrições à circulação noturna.

As medidas foram renovadas pela Prefeitura de Feira e são válidas até a próxima terça-feira, 3. Os estabelecimentos comerciais que descumprirem as normas do decreto poderão ser interditados com a suspensão de suas atividades, bem como a cassação dos respectivos alvarás de funcionamento. Denúncias também podem ser feitas ligando para 190 ou 156, bem como acessando o aplicativo Fala Feira 156.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas