Fora de casa, Bahia enfrenta o lanterna Tombense de olho na liderança da Série B

e.c. bahia
27.05.2022, 05:00:00
Esquadrão pode voltar a ser líder da Série B em caso de triunfo sobre o Tombense (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Fora de casa, Bahia enfrenta o lanterna Tombense de olho na liderança da Série B

Esquadrão entra em campo nesta sexta-feira (27), às 19h

O Bahia terá a chance de reassumir a liderança da Série B do Brasileiro. Nesta sexta-feira (27), o time visita o Tombense, em jogo marcado para começar às 19h, no estádio Soares de Azevedo, na cidade mineira de Muriaé, distante 312 km da capital Belo Horizonte.

Se vencer no interior de Minas Gerais, o tricolor fará a parte dele para voltar ao primeiro lugar. O Esquadrão iniciou a 9ª rodada na segunda colocação, com 16 pontos (caiu para 3º porque o Vasco ganhou do Brusque), três a menos do que o Cruzeiro, que enfrenta o Criciúma, em Santa Catarina, às 21h30. Por isso, além de ganhar do Tombense, a equipe baiana precisa de uma derrota cruzeirense para chegar ao topo da tabela.

O Bahia tem um desafio pela frente: melhorar o desempenho como visitante. Enquanto na Fonte Nova o aproveitamento é de 100% no Brasileirão, com quatro vitórias, os comandados do técnico Guto Ferreira venceram só um de quatro jogos fora de casa - 1x0 no Náutico, pela segunda rodada. Depois, o time empatou com o CSA (1x1) e acumulou derrotas para Ituano e Vasco (ambas por 1x0). Rendimento de 33%.

“Dentro de casa os resultados estão acontecendo, mas fora de casa não está sendo falta de imposição. Contra o Vasco a gente comandou o jogo, mas infelizmente não conseguimos o triunfo. Contra o CSA também tivemos muitas oportunidades e pontuamos, contra o Náutico vencemos. Acho que não está sendo tão ruim assim, claro que como Bahia temos que parar de oscilar. Queremos engatar uma sequência, ganhando fora e em casa. Falta detalhe para isso acontecer e vamos conseguir”, garantiu o meia Daniel, de volta ao time após cumprir suspensão. 

Pelo menos na teoria, o adversário de hoje se apresenta como uma boa oportunidade para o Bahia voltar a ganhar como visitante. Estreante na Série B, o Tombense ainda não ganhou uma partida e é o lanterna. Perdeu dois jogos e empatou seis.

No entanto, a equipe mineira costuma dar trabalho em casa. O rival empatou os quatro jogos que fez no estádio Soares de Azevedo e tirou pontos, por exemplo, de Vasco e Cruzeiro, equipes que estão no G4.

“Do nosso lado, o principal é respeitar [o adversário], como a gente vem respeitando todos os times, sem olhar para a tabela porque não tem jogo fácil. A parte da estratégia eu também não iria passar (risos). Mas vamos montar a melhor estratégia”, comentou Daniel. 

Vai mudar
Guto Ferreira vai fazer pelo menos duas mudanças no time titular no embate de hoje, ambas no meio-campo. Suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o volante Rezende está fora de ação. Emerson Santos é o mais cotado para herdar a vaga, mas tem a concorrência de Lucas Falcão.

A boa notícia é justamente o retorno de Daniel, que cumpriu suspensão no triunfo de 2x1 sobre a Ponte Preta. O camisa 10 é um dos destaques do Bahia no campeonato e, ao lado do garoto Ronaldo, lidera a lista de assistências do tricolor na temporada, com quatro passes para gols.

No Tombense, o principal desfalque é o atacante Ciel, machucado. Aos 40 anos, ele é o jogador mais experiente da equipe e marcou 10 gols em 17 jogos neste ano. O técnico é Bruno Pivetti, ex-Vitória, contratado há duas semanas para substituir Hemerson Maria. Ele deve manter Vinícius Mingotti como referência no ataque.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas