Governador condiciona volta de torcida nos estádios da Bahia ao 'passaporte da vacina'

coronavírus
24.08.2021, 20:31:00
(Fonte Nova/ Divulgação/Lucas Melo/Ag BAPRESS)

Governador condiciona volta de torcida nos estádios da Bahia ao 'passaporte da vacina'

Rui pede calma sobre liberação, mas diz que torcedor terá que comprovar imunização completa; ele ainda falou sobre a imunização dos jovens no estado

No Papo Correria desta terça-feira (24), o governador Rui Costa falou sobre o retorno do público aos estádios de futebol na Bahia. Ele considerou cedo para liberar o acesso neste momento de retomada, mas apontou que quando o fizer, será obrigatória a comprovação da vacinação, com as duas doses.

“Os números, graças a Deus, estão caindo. Nós estamos aumentando a presença em eventos. Já estamos admitindo a presença de 500 (pessoas nos) eventos, já voltamos a funcionar bares, restaurantes. Agora, vamos com calma porque, logo logo, a gente vai ter condições de liberar a torcida”, disse. Mas vou logo, desde já, avisando que, quando esses espaços, como estádios para jogos, estiverem liberados, será obrigatória a apresentação da vacina, inclusive da segunda dose.”

Na última semana, Rui esteve em Belo Horizonte (MG) acompanhando os eventos teste de retorno de torcida ao estádio do Mineirão. Por descumprimento das regras e dos protocolos estabelecidos para a realização das partidas - torcedores aglomerados e sem máscara - a Prefeitura do município decidiu cancelar novas discussões e tentativas de retorno do público. 

O governador da Bahia utilizou o episódio como justificativa para sua decisão de levar as coisas com mais calma.

A ideia de criar um ‘passaporte da vacina’ não é nova, o prefeito de São Paulo, Ricardo Nunes (MDB), anunciou na manhã desta segunda-feira (23), que a cidade passará a exigir a apresentação do comprovante de vacinação para a entrada em congressos, feiras de negócios, jogos de futebol e outros tipos de eventos. 

O estabelecimento que estiver com um frequentador que não recebeu nenhuma dose do imunizante contra a covid-19 será multado. A data de início da obrigatoriedade não foi divulgada, assim como o valor da multa, que "não será barata", segundo Nunes.

Na live do Papo Correria, foram divulgados também os números da covid-19 na Bahia. Houve redução nos casos ativos, para 3.215 - na última quarta-feira (18), quando ocorreu o último programa, o número era de 3.654.  A ocupação dos leitos de UTI também caiu, para 391, ante aos 465 da semana passada.

Vacinação atrasada

O governador Rui Costa voltou a falar de temas discutidos ao longo desta semana, em especial, a vacinação. O gestor informou que 139 municípios baianos ainda estão vacinando pessoas com 24 anos ou mais, e pede colaboração dos prefeitos para agilizar a aplicação da primeira dose da vacina contra a covid-19.

“Vamos fazer uma grande mobilização, principalmente naqueles municípios que estão vacinando [pessoas] acima de 20 anos. O estado, há alguns dias, está dando uma quantidade de doses de vacina maior para esses municípios”, disse Rui. O objetivo é trazer essas cidades para o mesmo patamar das que estão vacinando jovens de 18 anos ou mais.

“Queremos fazer um apelo para que esses municípios façam vacinação no formato de mutirão, vacinado à noite.Que a vacinação vá até as 21h, colocá-la no sábado e domingo, para a gente acelerar a vacinação nestes municípios”, completou.

O governador ainda informou que está redistribuindo parte dos estoques de vacinas das cidades que já estão vacinando a faixa dos 18 anos para aquelas que estão atrasadas.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas