Governo da Bahia vai cobrar 10% sobre incentivos fiscais até 2022

farol econômico
05.11.2018, 06:24:00
Atualizado: 05.11.2018, 09:58:02

Governo da Bahia vai cobrar 10% sobre incentivos fiscais até 2022

O governo da Bahia garantiu até o final de 2022 a redução de 10% nos incentivos fiscais das empresas instaladas no estado. A cobrança deste "dízimo" das empresas se baseia numa decisão de 2016 do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), que previa a redução do incentivo em 10% ou a devolução de valor proporcional até o final de 2018. Estados como a Bahia, Alagoas, Ceará, Goiás, Pernambuco, Piauí e Rio de Janeiro implementaram a medida para equilibrar os seus caixas em tempos de crise.

O problema é que isso desequilibrou o das empresas que contavam com os incentivos em seu planejamento econômico, nos últimos dois anos. E agora, o setor produtivo vê a perspectiva de pagar essa conta por mais quatro anos. A prorrogação consta no decreto 18.656, publicado na última terça-feira, que prevê o repasse para o Fundo de Combate à Pobreza. É a famosa caridade com o chapéu dos outros.  A chiadeira é grande. 

Primeiro aniversário
Nem só de notícias ruins vive  a hotelaria baiana. Cravado no Centro Histórico de Salvador, o Fera Palace Hotel celebrou no mês de outubro o seu primeiro ano de funcionamento, com uma média de ocupação anual de 55%. Nada mal, em se tratando de uma operação nova.  De outubro de 2017 ao mesmo mês deste ano, passaram pelo hotel 28 mil hóspedes, a maioria deles, oito mil, provenientes do estado de São Paulo. O segundo estado brasileiro que mais enviou hóspedes ao Fera foi a Bahia – isso mesmo –  com aproximadamente seis mil hóspedes.

Do exterior, França, Estados Unidos e Espanha lideram a lista de visitantes no hotel.  O hotel tem 81 apartamentos e arquitetura e design inspirados nos anos 30, década de sua construção. Também neste mês de outubro, o Fera foi indicado para o prêmio de Melhor Hotel Urbano 2018. A lista elaborada pela revista britânica Wallpaper selecionou 39 hotéis em todo o mundo. Além do Fera Palace, na América Latina foi indicado o W Panamá, na Cidade do Panamá.

Mudança no varejo
Dados da Nielsen apontam, pela primeira vez, que as lojas tipo “atacarejo” passaram a ser as mais frequentadas pelos consumidores neste ano. Segundo a pesquisa, 60% dos consumidores afirmam terem visitado as unidades do formato, contra 58% que dizem ter feito compras nos supermercados tradicionais. Nas lojas do Assaí Atacadista, uma das maiores redes de atacado de autosserviço do Brasil, também é possível identificar esse movimento: aproximadamente 70% dos clientes são consumidores finais. Quando o comparativo se dá em termos de receita, essa proporção é de 50% para clientes pessoa física e para pessoa jurídica, já que este último costuma ter um valor de ticket mais alto.

 Outra constatação da Nielsen é que mesmo após a melhora do cenário econômico, os consumidores afirmam que continuarão comprando nas lojas de “atacarejo”. Uma pesquisa do Assaí realizada pelo Instituto Data Popular com 12 mil clientes da rede revela que 60% foram motivados a migrar para o segmento por conta do cenário econômico mais desafiador. Destes, 98% disseram manter a preferência e confirmam que irão continuar fazendo suas compras nas lojas do modelo mesmo após a melhora da economia.

Evento internacional.  O Instituto Prime de Ensino Personalizado, referência em cursos de Odontologia, lançou o Bahia Osseointegration Meeting (BOM), seu primeiro evento internacional, que trará nomes da Odontologia Nacional e Mundial à capital baiana. O evento no Gran Hotel Stella Maris vai reunir entre 400 a 600 profissionais, baianos, de outros estados brasileiros e do exterior para a capital baiana, em maio de 2019.

Aceleradora. A aceleradora global de soluções ambientais da AB InBev vai contar com a presença de três projetos brasileiros entre startups de todo o mundo. A Cervejaria Ambev, na etapa nacional do programa, selecionou a Molécoola, a RSU Brasil e a Tampec como representantes do País para um treinamento na sede da companhia em Nova York. Em paralelo ao treinamento com foco no desenvolvimento do projeto piloto, as startups selecionadas receberão também um investimento de até US$ 100 mil e apoio operacional da companhia na implementação de suas soluções, além de mentoria e acompanhamento de especialistas em sustentabilidade da cervejaria e também de consultores externos.

Férias. Este colunista está saindo de férias e volta com as novidades da economia baiana em dezembro. Até lá!
 


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/temer-ressalta-forca-e-estabilidade-das-instituicoes-em-pronunciamento/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/sessao-do-tj-ba-e-suspensa-apos-confusao-e-retirada-de-advogado/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/confira-o-clipe-da-cantora-argentina-lali-em-parceria-com-pabllo-vittar/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/voce-sabia-que-o-ford-mais-vendido-na-america-do-sul-e-feito-na-bahia/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/mostra-multimidia-homenageia-os-40-anos-do-correio/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/igreja-transmite-momento-em-que-pastor-e-baleado-em-culto-veja/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/camera-de-shopping-flagrou-conversa-de-empresario-que-matou-jogador-e-testemunhas/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/prepare-a-maratona-cinco-series-da-netflix-para-ver-apos-o-enem/