Governo Federal entrega novo contorno rodoviário na BR-135 em Coribe 

bahia
25.06.2021, 19:29:43
(Divulgaçao/DNIT)

Governo Federal entrega novo contorno rodoviário na BR-135 em Coribe 

Com investimentos de R$ 8,5 milhões e 6,3 quilômetros de extensão, empreendimento vai facilitar escoamento da safra de grãos da região da Matopiba

A BR-135, na altura de Coribe, no oeste da Bahia, ganhou um novo contorno rodoviário, após o investimento do Governo Federal de R$ 8,5 milhões ao longo de 6,3 quilômetros de extensão. 
 
A  BR-135 é uma importante ligação do meio Norte do país com a região Sudeste e importante canal de escoamento da produção local de grãos, especialmente da Matopiba, região formada por áreas do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia. A região se destaca no cultivo de grãos e fibras, especialmente soja, milho e algodão, mas também é conhecido pela pecuária e a produção de frutas
 
“Mais uma vez, estamos levando a logística onde ela é necessária. Sempre tratamos da BR-135 como uma prioridade do governo por se tratar de uma rodovia com caráter de integração nacional e de extrema importância para o desenvolvimento do Matopiba”, avalia o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.
 
No trecho do contorno de Coribe, o Ministério da Infraestrutura, através do Departamento Nacional de Infraestrutura do Transporte (DNIT), executou obras de arte especiais, drenagem do terreno, serviços de terraplenagem, pavimentação das pistas principais e acostamentos, além da implantação de sinalização horizontal e vertical.
 
Em janeiro, o Governo Federal já havia concluído um trecho de 67 quilômetros de extensão da BR-135, entre os municípios de Jaborandi e Cocos, na Bahia, realizado o alargamento da ponte sobre o Riacho Seco e duplicado o acesso à travessia urbana de Coribe.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas