Homem tranca casa, toca fogo e mata cinco parentes em Feira de Santana

bahia
04.01.2017, 08:46:00
Atualizado: 04.01.2017, 13:39:19

Homem tranca casa, toca fogo e mata cinco parentes em Feira de Santana

Três das vítimas eram filhas do suspeito, além de uma enteada e da filha dela; Mãe das vítimas foi socorrida com queimaduras graves

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Corpo de Bombeiros debelou chamas; vizinhos acompanham resgate de vítimas
(Foto: Paulo José / Acorda Cidade)

 Cinco pessoas da mesma família morreram carbonizadas em um incêndio na madrugada desta quarta-feira (4), em um imóvel do Condomínio Alto do Rosário, na Rua Itatiaia, no bairro da Mangabeira, em Feira de Santana. A suspeita da polícia é que o proprietário do imóvel Gilson de Jesus Moura, 49 anos, teria ateado fogo no imóvel e fugido. Das cinco vítimas, três eram filhas deles, uma enteada e a outra filha da enteada.

As vítimas foram Thaís de Jesus Moura, 13 anos, Carlos Alexsandro de Jesus Moura, 9, Xayane Vitória de Jesus Moura, 8, filhas de Gilson. Além delas, a enteada dele, Emily de Jesus Moura, 16, que estava grávida de cinco meses, e o filho dela, Enzo, de 1 ano e 11 meses.

A mulher do suspeito e mãe de quatro das vítimas, Ana Cristina de Jesus, 37 anos, e outra filha dela, Aila de Jesus Moura, que também estavam no imóvel, foram socorridas pelos vizinhos com queimaduras graves.

Ana Cristina foi levada para o Hospital Clériston Andrade e Aila para o Hospital da Criança. "Foram salvas porque os vizinhos perceberam as chamas e derrubaram a porta. A mulher tinha queimaduras graves nos braços e nas pernas", informou o major Luiz Alberto Souza e Silva Junior, comandante do 2º Grupamento de Bombeiros Militar (GBM).

O incêndio foi debelado por volta das 7h30 e o imóvel foi evacuado. Duas guarnições participaram da operação. Segundo informações do major, eles foram acionados por volta das 4h40 e menos de dez minutos depois já estavam no local. A Polícia Militar já estava no imóvel. "Após o combate às chamas, encontramos cinco corpos no interior da residência. Eles estavam em um cômodo, como se estivessem trancados", informou o major. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas