Hospital Regional de Juazeiro será ampliado e ganhará mais 144 leitos

bahia
23.11.2020, 14:29:00
Atualizado: 23.11.2020, 14:29:09
(Divulgação)

Hospital Regional de Juazeiro será ampliado e ganhará mais 144 leitos

Obras Sociais Irmã Dulce vão assumir a gestão

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O Hospital Regional de Juazeiro será ampliado, com construção de 144 novos leitos, segundo anunciou nesta segunda-feira (23) o governo do estado. A obra será licitada no início de 2021. As Obras Sociais Irmã Dulce (Osid) será responsável pela gestão da unidade. Atualmente, as Osid já administram hospitais estaduais em Irecê, Barreiras e Santa Rita de Cássia.

O secretário da saúde estadual, Fábio Vilas-Boas, visitou o Hospital Regional hoje, ao lado do assessor corporativo das Osid, Sérgio Lopes. Ele destacou a importância da obra. "As obras de duplicação terão início em 2021 e ao seu término, o hospital terá 270 leitos entre clínicos e de UTI, sendo um dos maiores da Bahia", disse o secretário.


Recentemente, o governo inaugurou o Hospital do Câncer de Juazeiro, que é uma estrutura anexa ao Hospital Regional, com investimento superior a R$ 30 milhões entre obras e equipamentos. "Aqui oferecemos atendimento a pacientes com todos os tipos de câncer e em todas as fases da doença, desde o diagnóstico, passando pela cirurgia e o tratamento. Em breve estará disponível o primeiro serviço de radioterapia e braquiterapia do interior baiano", acrescenta o secretário.

O acelerador linear, equipamento utilizado no tratamento radioterápico, será instalado na unidade e tem capacidade para realizar 43 mil sessões de radioterapia por ano.

As Osid já realizam 3,5 milhões de atendimentos ambulatoriais por ano só no Hospital Santo Antônio, em SAlvador, além de 38 mil internações nas unidades que administra por todo estado. "O nosso compromisso sempre foi a excelência na gestão, acolhimento e atendimento humanizado. No momento, nesta fase inicial, faremos o inventário dos equipamentos, estoques de insumos e medicamentos, bem como análise dos contratos vigentes", afirma Sérgio Lopes.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas