Hotéis e hostels do Rio esperam alta ocupação no Carnaval

turismo
08.02.2018, 06:31:00
A ocupação média na hotelaria carioca para o Carnaval deve chegar a 85%, superando os 78% registrados no mesmo período do ano passado (Divulgação)
Estúdio Correio -

Hotéis e hostels do Rio esperam alta ocupação no Carnaval

Esse ano, os turistas poderão escolher entre 473 blocos e 596 desfiles, que acontecem de janeiro até 18 de fevereiro, a maioria gratuito

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Carnaval e Verão são sinônimo de praia cheia no Rio de Janeiro. De acordo com o Riotur, a expectativa a cidade deve receber 1,5 milhão de pessoas de fora no período este ano, 400 mil a mais que em 2017.

Os turistas que ainda não reservaram um hotel no rio de janeiro devem ficar atentos. O Sindicato de Hotéis do Rio de Janeiro (SindHotéis Rio) estima que a ocupação média na hotelaria carioca para o carnaval deverá chegar a 85%, superando os 78% registrados no mesmo período do ano passado. Na região da Barra da Tijuca, zona oeste da cidade, 70% dos quartos já estão reservados, enquanto na zona sul o índice atinge 78%.

Para quem quer economizar e não faz questão de benefícios como piscina e academia, uma boa opção é se hospedar em um dos hostels no Rio de Janeiro.  A expectativa é que as reservas no carnaval sejam em torno de 90%.  Durante o carnaval, a zona norte e o centro devem concentrar grande número de hóspedes, em função da proximidade do Sambódromo, para assistir as escolas de samba, e dos desfiles dos blocos.

Esse ano, os turistas poderão escolher entre 473 blocos e 596 desfiles, que acontecem de janeiro até 18 de fevereiro, a maioria gratuito. A expectativa é de que a maior festa da cidade gere R$ 3,5 bilhões em recursos, com 90% de ocupação hoteleira. Em 2017, o valor arrecadado foi de R$ 3 bilhões.


***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas