Já são mais de 35 mil mortos por coronavírus no mundo, a maioria na Europa

mundo
30.03.2020, 17:59:00
Mais de 700 mil pessoas estão infectadas no mundo inteiro (OSCAR DEL POZO / AFP)

Já são mais de 35 mil mortos por coronavírus no mundo, a maioria na Europa

Itália e Espanha são os países europeus mais afetados pela pandemia

Já são mais de 35 mil mortos pela covid-19 em todo o mundo, com maioria das mortes na Europa, onde pandemia do novo coronavírus matou mais de 25 mil pessoas, de acordo com um balanço da AFP elaborado com base em fontes oficiais nesta segunda-feira às 12h30 GMT (9h30 de Brasília).

No total, são 25.037 óbitos (sobre 399.381 casos), a Europa é o continente mais abalado pela pandemia de Covid-19. Itália (10.779 mortos) e Espanha (7.340) são os países com o maior número de mortes e somam quase 75% das vítimas fatais europeias. O número de infectados no mundo inteiro já ultrapassa 700 mil casos. 

No Brasil, até às 14h desta segunda-feira, são 4.256 casos confirmados, 141 óbitos e 3,2% de taxa de letalidade.

Leia mais: Em novo balanço, Brasil tem 159 mortes por coronavírus e 4.579 casos confirmados

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
  • Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (mascára cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

Confira o passo a passo de como lavar as mãos de forma adequada

*Matéria originalmente publicada no Jornal do Commercio, parceiro do CORREIO pela Rede Nordeste

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas