Jogadoras do Bahia são alvo de comentários racistas em transmissão

e.c. bahia
25.04.2021, 20:13:35
Atualizado: 25.04.2021, 21:47:56
Mulheres de Aço empataram fora de casa (@andriellizambonin / Napoli)

Jogadoras do Bahia são alvo de comentários racistas em transmissão

Narrador e comentarista chamaram cabelos das atletas de 'exóticos'

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

As jogadoras da equipe feminina do Bahia foram alvo de comentários racistas na tarde deste domingo (25), durante transmissão do duelo fora de casa com o Napoli, em Caçador-SC. As Mulheres de Aço empataram a partida em 2x2.

O jogo foi válido pela terceira rodada da elite do Campeonato Brasileiro. A equipe de transmissão do site MyCujoo fez comentários preconceituosos sobre os cabelos das jogadoras.

Comentaristas são afastados após falas racistas contra time do Bahia

Disse o comentarista, Edson Florão:

"O Bahia, que está aí com a sua vantagem de estatura, com esses cabelos exóticos. Pelo menos meia dúzia (das jogadoras). A Nine (lateral direita) tem o cabelo mais exótico, me parece, dessa equipe do Bahia".

Os 'cabelos exóticos' se referem aos cabelos crespos das jogadoras, que em sua maioria são negras.

O narrador da partida, Paulo Cesar Ferrarin, endossou o comentário e adicionou:

"Verdade. Eu até 'tava' brincando com esses cabelos. Parece a Margareth Menezes (cantora), lá da Bahia".

Veja o vídeo abaixo:

A cantora Margareth Menezes disse em nota divulgada por sua equipe que repudia toda e qualquer forma de preconceito.

O fatídico episódio de hoje, durante o jogo Napoli x Bahia, em que comentários preconceituosos foram direcionados às atletas e à artista Margareth Menezes, é algo que não pode ocorrer. Sobretudo em tempos em que estamos discutindo e ampliando diálogos sobre racismo, machismo e sexismo. É absurdo, impensável e inadmissível que discursos como estes sejam normalizados", disse.

Provocada por usuários do Twitter, a CBF emitiu uma nota oficial na noite deste domingo, repudiando o ocorrido:

"Durante a partida Napoli x Bahia, pelo Brasileiro Feminino A-1, a equipe de transmissão do MyCujoo fez comentários preconceituosos direcionados a atletas do Bahia. A CBF lamenta profundamente o ocorrido e informa que solicitou ao MyCujoo que os profissionais fossem afastados imediatamente das transmissões, o que foi prontamente atendido pela plataforma. Não podemos admitir que o futebol seja palco para esse tipo de comportamento".

Procurada pelo CORREIO, a assessoria de comunicação do Bahia divulgou em seu Twitter que planeja uma ação em conjunto com a cantora Margareth Menezes, torcedora do Bahia, também citada nos comentários, e que deve ser publicada amanhã.

As Mulheres de Aço estão disputando pela primeira vez a Série A-1 do Brasileirão Feminino, a elite da modalidade no país. Elas estão em 10º lugar, com dois pontos conquistados em três partidas.

Na quarta-feira (28), enfrentam a equipe da Ferroviária, em Pituaçu, pela quarta rodada.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas