Jogando em Feira, Vitória bate Barcelona de Ilhéus e vence primeira no Baianão

e.c. vitória
23.01.2022, 18:04:00
Jadson domina durante jogo contra o Barcelona de Ilhéus (Pietro Carpi / EC Vitória)

Jogando em Feira, Vitória bate Barcelona de Ilhéus e vence primeira no Baianão

Gol de Eduardo no 1º tempo decide a favor do Leão, que entra no G4

Foi debaixo do sol forte na Arena Cajueiro, em Feira de Santana, que o Vitória voltou a sair vitorioso de uma partida após mais de dois meses. O resultado de 1x0 contra o Barcelona de Ilhéus, neste domingo (23), colocou o Leão em 4º lugar na tabela do Baianão, com quatro pontos. O Barça está em 7º, com um. A partida não foi disputada em Ilhéus porque o estádio Mário Pessoa, onde a equipe novata no estadual manda os jogos, ainda passa por obras.

O rubro-negro não teve grande dificuldade com o adversário e contou com duas novidades no time titular. A primeira delas foi o zagueiro Mateus Moraes, que disputou uma partida oficial após exatos três meses. Na lateral direita, Iury estreou como titular no lugar de Alemão, lesionado.

Sem sofrer pressão do Barcelona nos 45 minutos iniciais, o Vitória buscou posicionar seus atletas de meio-campo para surgirem como opções de finalização no ataque e avançou as linhas de marcação para apertar a saída de bola do adversário. Além de Eduardo, autor do gol aos 22 minutos do primeiro tempo, Gabriel Santiago e Jadson tiveram chances de marcar durante o jogo.

O camisa 10, inclusive, teve uma primeira etapa apagada, com pouca efetividade nos passes e não chegou a arriscar para a meta de Deijair. No segundo tempo o meia foi mais presente no ataque e teve boas chances de gol. Apesar de precisar acelerar mais o jogo para se firmar como peça fundamental do Leão na temporada, a torcida reconheceu o esforço e aplaudiu o meia quando foi substituído por Alan Santos no segundo tempo.

Já o técnico Dado Cavalcanti deu sinais de que vem encontrando uma forma de armar o time. Com muitas jogadas pelas laterais, o Vitória soube explorar as linhas altas montadas pelo técnico Paulo Sales, do Barcelona, principalmente com Luidy, que atuou pelos dois lados do campo, e o lateral direito Iury, que apareceu bem no ataque.

Meia Gabriel Santiago durante primeiro tempo da partida (Foto: Pietro Capri / EC Vitória)

Partida sob controle

Apesar da boa movimentação do meio-de-campo no começo da partida, o primeiro tempo não foi de muitas chances claras para o Vitória. Além de uma finalização de Gabriel Santiago por cima do gol, os atletas ainda reclamaram com o árbitro Marielson Alves da Silva pela não marcação de uma penalidade. Após cruzamento de Luidy, o lateral Arnold, do Barça, chutou e a bola resvalou no braço do zagueiro Caíque. Na interpretação do árbitro, nada a marcar.

Mas foi pelo lado direito do campo que o Vitória conseguiu balançar as redes. Aos 22 minutos, Eduardo fez jogada individual e achou Guilherme Queiroz na área. O cruzamento do camisa 9 ficou na defesa, mas o lateral direito Iury pegou o rebote e encontrou Eduardo livre na área. Chute rasteiro sem chance para Deijair e 1x0 para o Leão no placar.

Eduardo comemora gol marcado na Arena Cajueiro (Foto: Pietro Capri / EC Vitória)

Depois do gol marcado, o ritmo esfriou e os times foram para o intervalo no mesmo placar. Na volta, o primeiro minuto do segundo tempo foi de muita emoção para os dois lados. Com 30 segundos, Kel Baiano chegou atrasado no chute cruzado de João Grilo e por pouco não empatou.

Do lado rubro-negro, Jadson respondeu com um chute no contrapé de Deijair dentro da área, mas Caíque salvou os donos da casa em cima da linha. O camisa 10 ainda acertou um chutaço no ângulo, que dessa vez foi defendido por Deijair. Gabriel Santiago também tentou ampliar o placar, mas parou no pé da trave.

No restante da segunda etapa, o time de Dado seguiu sem sofrer com as investidas do Barcelona. Para piorar a situação do adversário, o zagueiro Rambo foi expulso depois de segurar Roberto, que arrancava em direção ao gol. O atacante foi uma das mudanças promovidas pelo treinador, que terminou o jogo com Luidy e Eduardo posicionados nas pontas e Erik compondo o meio-de-campo.

No próximo sábado (29), o Vitória enfrenta o Jacuipense na terceira rodada do Campeonato Baiano. O Leão é visitante, mas o jogo será no Barradão, onde o Jacuipense tem mandado suas partidas. O Barcelona visita o Atlético quinta-feira (27), em Alagoinhas. Jacuipense e Atlético são os únicos times com 100% de aproveitamento após duas rodadas. O Carcará lidera devido ao saldo de gols (5 a 4).

FICHA TÉCNICA

Barcelona de Ilhéus 0x1 Vitória - 2ª rodada do Campeonato Baiano

Barcelona: Deijair, Arisson Gaúcho (Miqueias), Caíque, Gustavo Rambo e Arnold; Capone (Almir), Guga (Gianlucas), Ramírez; João Grilo (Felipinho), Vitinho e Kel Baiano Técnico: Paulo Sales

Vitória: Lucas Arcanjo, Iury (Marco Antônio), Alisson Cassiano, Mateus Moraes e Salomão (Vicente); João Pedro, Gabriel Santiago (Erik) e Jadson (Alan Santos); Luidy, Guilherme Queiroz (Roberto) e Eduardo. Técnico: Dado Cavalcanti.

Estádio: Arena Cajueiro, em Feira de Santana
Gols: Eduardo, aos 22 minutos do 1º tempo
Cartão amarelo: Arnold; Alisson Cassiano, Iury e Vicente
Cartão vermelho: Gustavo Rambo
Público: 679 pagantes
Renda: R$ 14.540
Arbitragem: Marielson Alves Silva, auxiliado por Elicarlos Franco de Oliveira e Jucimar dos Santos Dias

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas