Larissa Manoela passa por cirurgia na vesícula

em alta
12.11.2019, 19:54:14
Atualizado: 12.11.2019, 20:07:25
(Reprodução)

Larissa Manoela passa por cirurgia na vesícula

Atriz gravou vídeo para explicar que procedimento é tranquilo

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


A atriz Larissa Manoela, 18 anos, passou por uma cirurgia para retirar uma pedra da vesícula. Já internada, ela explicou em vídeos como seria o procedimento. 

"Minha terça-feira está sendo um pouco atípica porque estou num lugar onde não costumo estar muito. Cá estou eu em um hospital, que mais parece um spa, mas já começo dizendo para vocês ficarem despreocupados. Recentemente tive uma crise muito forte, uma cólica biliar, e descobri que na minha vesícula tem uma pedrinha. Vou me livrar dessa pedrinha hoje mesmo. Já, já vou para o centro cirúrgico para fazer a retirada para ela não me incomodar mais", explicou.

A cirurgia é considerada simples pelos médicos. A cólica biliar causa fortes dores abdominais e até náuseas e vômito. Depois que tudo foi concluído, a atriz voltou ao Instagram. 

“Fala, galera! Passando aqui para dar um feedback de tudo o que aconteceu. Cirurgia foi supertranquila, deu tudo certo. Agora estou aqui fazendo os procedimentos pós-cirúrgicos. Já estou livre da minha pedrinha, estou até pensando em fazer um collab, aquelas!”, brincou.

Larissa contou ainda que vai passar a noite no hospital em observação. “Está tudo bem. Amanhã já vou para casa. Agora vou ficar aqui no hospital em observação. Já levantei, já andei aqui, comi, tudo normal, tudo seguindo bem. Muito obrigada pelo carinho”.
No hospital, ela recebeu visita do namorado, Leo Cidade.

Larissa tem contrato com o SBT até o final do ano. Para o início de 2020, já tem planos: gravar um filme no Canadá. "Estou bem focada e empolgada", afirmou.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pf-cumpre-mandados-contra-quadrilha-que-fraudou-mais-de-r-4-milhoes-do-inss/
O grupo é investigado por, pelo menos, 80 benefícios previdenciários suspeitos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/5-filmes-que-voce-deve-assistir-para-apreciar-as-trilhas-de-ennio-morricone/
Compositor, que morreu aos 91 anos, era grande nome da música no cinema
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/rapper-baiano-hiran-lanca-segundo-disco-galinheiro/
Disco tem participações especiais de Tom Veloso, Majur e outros artistas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/serie-baiana-que-revela-salvador-sombria-ja-esta-disponivel-no-amazon-prime/
Produção tem roteiro e direção de Julia Ferreira, baiana que estudou cinema em Londres e Madri
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/netos-de-luiz-gonzaga-divulgam-nota-de-nojo-por-uso-de-musica-em-live-de-bolsonaro/
Jair Bolsonaro convidou o presidente da Embratur para tocar durante a live da última quinta
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/moradores-da-lapinha-falam-ao-contrario-e-tem-um-dialeto-o-gualin/
Há meio século, falar ao contrário é considerado sinal de pertença para os moradores “raiz” do bairro da Lapinha
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/elza-soares-aos-90-e-cheia-de-projetos/
Cantora lança releitura de 'Juízo Final' e faz live neste sábado (4), com participação de Flávio Renegado
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/como-tratar-a-dor-da-chikungunya-entenda-fases-da-doenca/
Registro de casos aumentou 440% na Bahia nos últimos seis meses; sintoma pode se tornar crônico e durar anos
Ler Mais