Lula amplia vantagem sobre Bolsonaro e chega a 46% no 1º turno, diz Datafolha

brasil
09.07.2021, 15:20:00
(Arquivo AFP)

Lula amplia vantagem sobre Bolsonaro e chega a 46% no 1º turno, diz Datafolha

No segundo turno, atual presidente perde em todos cenários no levantamento

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ampliou a vantagem e aparece com 46% das intenções de voto para a eleição de 2022, contra 25% de Jair Bolsonaro (sem partido), de acordo com levantamento divulgado pelo Datafolha nesta sexta-feira (9). 

O petista está na frente tanto na pesquisa estimulada - quando os nomes são ditos aos entrevistados - quanto na espontânea. Nessa última, Lula aparece com 26% e Bolsonaro com 19%.

Em um hipotético segundo turno entre os dois, Lula aparece com 58% dos votos e Bolsonaro tem 31%. 

Na pesquisa espontânea, só um terceiro pré-candidato foi lembrado e citado pelos entrevistados: Ciro Gomes (PDT), que aparece com 2%. Outros 2% afirmaram que votariam em outro nome, sem citar ninguém.

Na pesquisa estimulada, Ciro aparece em terceiro lugar, com 8%. Joao Doria (PSDB) tem 5% e o ex-ministro Luiz Henrique Mandetta (DEM), 4%. Esses últimos estão tecnicamente empatados, considerando a margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou menos.

Outros 10% dos entrevistados afirmam que pretendem votar branco ou nulo e 2% ainda não sabem. Foram ouvido 2.074 eleitores, nos dias 7 e 8 de julho, de maneira presencial.

Outro cenário incluiu o nome de Eduardo Leite (PSDB), que aparece com 3% das intenções de voto. Nessa, Lula tem 46%, Bolsonaro 25%, Ciro 9% e Mandetta 5%.

Na primeira pesquisa Datafolha, divulgada em maio, Lula estava à frente de Bolsonaro, com 41% das intenções de voto, contra 23% de Jair.

Segundo turno
Nos cenários para segundo turno, Bolsonaro perde para todos os candidatos apresentados, segundo o levantamento.

Na primeira simulação, ele perderia para Lula (58% x 31%). Um confronto entre Lula e Doria seria vencido pelo petista, com 56% dos votos, frente a 22% do tucano. 20% disseram que votariam nulo ou branco e 1% não sabe. 

Na terceira simulação, Ciro venceria Bolsonaro com 50% dos votos. O presidente ficaria com 34%, brancos e nulos com 15% e 1% não sabe em quem votariam nesse cenário.

Por fim, em disputa com Doria, Bolsonaro também perderia. Doria aparece com 46% e Bolsonaro com 35%. 18% optariam por anular ou votar em branco e 1% não sabe.

***

Em tempos de desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informações nas quais você pode confiar. E para isso precisamos de uma equipe de colaboradores e jornalistas apurando os fatos e se dedicando a entregar conteúdo de qualidade e feito na Bahia. Já pensou que você além de se manter informado com conteúdo confiável, ainda pode apoiar o que é produzido pelo jornalismo profissional baiano? E melhor, custa muito pouco. Assine o jornal.


Relacionadas