Maradona é acusado de assédio sexual em hotel da Rússia após final da Copa das Confederações

Futebol
03.07.2017, 09:18:00
Atualizado: 03.07.2017, 10:14:27

Maradona é acusado de assédio sexual em hotel da Rússia após final da Copa das Confederações

Mulher identificada como Ekaterina Nadolskaya relatou a tentativa do ex-jogador argentino e deixou o hotel acompanhada da polícia

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Copa das Confederações não terminou bem para o ex-jogador argentino Diego Armando Maradona. Convidado da Fifa na final da competição, Maradona foi acusado de assédio sexual por uma mulher, identificada pela imprensa russa como Ekaterina Nadolskaya. 

A ação teria acontecido no hotel em que o argentino estava hospedado na madrugada de domingo para esta segunda, após o triunfo da Alemanha sobre o Chile. Em vídeo divulgado por meios de comunicação da Rússia, Ekaterina contou que é jornalista e que começou a gritar depois que Maradona arrancou parte da sua roupa e ameaçou molestá-la. Ainda segundo o relato, Diego teria oferecido cerca de 500 mil euros para a moça. 

A mulher conta que logo após os gritos Maradona a expulsou do quarto, mas ela disse que só sairia do local com a polícia. Horas depois, ela deixou o hotel acompanhada por um policial. 

Ekaterina, de preto, acusa Maradona de tentar molestá-la na madrugada desta segunda-feira (Foto: Reprodução)

“Eu estava no quarto dele e ele simplesmente chamou a segurança, que me levantou e botou neste sofá. Quero saber por que me tiraram do quarto. Eu não entendi o que aconteceu. Eu disse que só vou sair daqui com polícia. Eu disse para ele que ia chamar a polícia, ele disse que ia chamar a segurança então. Chegou o agente dele e chamou a segurança. O segurança chegou e me tirou do quarto e me colocou nesse sofá", disse ela no vídeo. 

Ekaterina e Maradona teriam se conhecido no restaurante do hotel, horas depois da final da Copa das Confederações. Ela chegou a divulgar uma foto em que aparece ao lado do Pibe, mas afirmou que a sua intenção era apenas entrevistá-lo. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas