Na Quaresma, somos convidados a reencontrar a amizade de Deus

artigo
16.04.2019, 05:00:00

Na Quaresma, somos convidados a reencontrar a amizade de Deus


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


Na próxima quinta-feira, 18 de abril, terminará a Quaresma de 2019. Antes de entrar no sentido espiritual desse tempo, julgo oportunas duas explicações. A primeira, quanto ao termo “quaresma”; depois, quanto à época em que ela acontece.

A palavra “quaresma” vem do latim e significa o quadragésimo dia antes da Páscoa. É que, até um passado recente, a Quaresma começava na Quarta-feira de Cinzas e ia até o Sábado Santo. Portanto, quarenta e seis dias mas, descontados os seis domingos que não são dias de caráter penitencial, ficavam quarenta dias de preparação para a Páscoa. Atualmente, a Quaresma termina na Quinta-feira Santa, antes da Missa da Ceia do Senhor (também chamada de Missa do Lava-pés).

Os “quarenta dias” desse tempo são fruto de todo um simbolismo bíblico: recordam os quarenta dias do dilúvio; os quarenta dias de Moisés no monte Sinai; os quarenta dias em que Elias caminhou em direção desse mesmo monte, também chamado Horeb; os quarenta anos da peregrinação do povo de Deus no deserto e, finalmente, os quarenta dias de Jesus no deserto, antes de iniciar sua vida pública.

Quanto ao tempo da Quaresma: seu início (Quarta-feira de Cinzas) depende do dia da Páscoa. Esse dia, diferentemente do Natal, não cai anualmente na mesma data. O Concílio de Nicéia (ano 325) estabeleceu que a Páscoa seria celebrada no primeiro domingo depois da lua cheia que segue ao equinócio da primavera no hemisfério Norte ou ao equinócio do outono no hemisfério Sul. Equinócio é o dia do ano em que a noite e o dia têm a mesma duração.

Cerca de sessenta anos atrás, a Igreja Católica se posicionou quanto à possibilidade de se definir uma data fixa para a Páscoa. Na ONU, contudo, os debates não chegaram a um consenso, pois alguns países, por motivos religiosos, recusaram a ideia de um novo calendário.

A Quaresma é um grande retiro espiritual, que pode e deve ser vivido em qualquer lugar e situação. Portanto, fazendo os trabalhos de cada dia, assumindo responsabilidades ou relacionando-nos com parentes e amigos, somos chamados a viver esses dias em espírito de oração, jejum (penitência) e esmola (obras de caridade). Essas três práticas fundamentais não são feitas para se obter o aplauso humano, mas para agradar a Deus e lhe demonstrar nosso desejo de servi-lo.

O profeta Joel (cerca de 700aC), em nome do Senhor, nos faz um convite: “Voltai para mim com todo o vosso coração, com jejuns, lágrimas e gemidos” (Jl 2,12). Quando ele propôs isso, o povo de Israel enfrentava sofrimentos e calamidades. O profeta queria, então, que todos se voltassem com confiança filial a Deus, uma vez que Ele é “benigno e compassivo, paciente e cheio de misericórdia, inclinado a perdoar o castigo” (v. 13). Hoje, esse convite é feito para nós. Na Quaresma, somos convidados a reencontrar a amizade de Deus perdida com o pecado, a experimentar a alegria do seu perdão e buscar a paz.


Dom Murilo S.R. Krieger é Arcebispo de São Salvador da Bahia – Primaz do Brasil

Opiniões e conceitos expressos nos artigos são de responsabilidade dos autores


***

O CORREIO entende a preocupação diante da pandemia do novo coronavírus e que a necessidade de informação profissional nesse momento é vital para ajudar a população. Por isso, desde o dia 16 de março, decidimos abrir o conteúdo das reportagens relacionadas à pandemia também para não assinantes. O CORREIO está fazendo um serviço de excelência para te manter a par de todos os últimos acontecimentos com notícias bem apuradas da Bahia, Brasil e Mundo. Colabore para que isso continue sendo feito da melhor forma possível. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/youtuber-compra-mansao-de-r-65-milhoes-apenas-para-gravar-videos/
Camila Loures disse que seguirá morando em sua antiga residência
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/daniela-faz-live-nesta-sexta-feira-29-com-transmissao-no-multishow/
Apresentação da cantora será em casa e terá clássicos como O Canto da Cidade, além de canções novas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/na-frente-do-stf-bolsonarista-sara-winter-xinga-moraes-e-ameaca-persegui-lo-assista/
Alvo de operação da PF contra rede de fake news, ativista convocou manifestantes para acampar na frente da casa de ministro do Supremo
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/duster-2021-veja-tudo-que-mudou-no-suv-da-renault/
Jornalista automotivo testou o modelo e apresenta suas impressões
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/novelas-classicas-chegam-ao-globoplay-e-a-favorita-e-a-primeira/
'Laços de Família', 'Vale Tudo' e 'Tieta' estão entre as próximas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/sao-joao-parte-1-dia-de-tradicao-antecipada-teve-licor-e-forro-em-familia-em-salvador/
Para aliviar tensão da pandemia, muita gente recorreu ao humor e, claro, ao rango típico nessa segunda-feira atípica
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/anitta-x-leo-dias-entenda-o-conflito-entre-a-cantora-e-o-jornalista/
Cantora afirmou que era ameaçada e chantageada há alguns anos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/veja-dicas-para-se-dar-bem-nas-selecoes-de-emprego-pela-internet/
Especialistas selecionam uma série de orientações importantes para fazer bonito nas entrevistas
Ler Mais