Negócio com jeito de virada; conheça empresária que bombou na Inglaterra

empregos
26.01.2022, 22:57:00
(Divulgação)

Negócio com jeito de virada; conheça empresária que bombou na Inglaterra

Ela conta como a venda de leggings mudou a vida no exterior

O empreendedorismo não surgiu na vida de Sara da Silva de forma planejada e consciente. Ela estava experimentando uma mudança de vida, havia casado, compreendia que não poderia permanecer trabalhando como babá e queria algo para chamar de seu. 

“Na época, a minha mãe mandava umas calças leggings do Brasil para me ajudar no projeto de perder peso, ter uma vida mais saudável e as pessoas perguntavam onde eu havia comprado. Isso foi há mais de sete anos e eu estava morando na Inglaterra, onde os produtos similares eram muito inferiores e transparentes”, contou Sara, durante a conversa com Flávia Paixão, no programa ao vivo Empregos e Soluções desta semana.

Sara da Silva contou que o empreendedorismo começou na sua vida de modo despretensioso (Foto: Reprodução/Instagram)

Ela fez questão de pontuar que, na época, o pensamento era bem imediatista: vender umas peças, fazer um dinheiro e comprar comida. “Mas outras coisas foram acontecendo para que a expansão ocorresse, como o fato de ter ganhado o Miss Fitness Irlanda e a criação dos grupos no Facebook, que me possibilitavam uma venda direcionada e tranquila. Por muito tempo, me mantive satisfeita com essa forma de fazer comércio e pronto”, afirmou.

Aposta única
A empresária, que mora no exterior há 12 anos, reconhece que seu maior erro foi ter se acomodado e apostado tudo numa única forma de publicizar e vender seu produto. As coisas começaram a mudar quando a rede social modificou a forma de comercializar através dela, impedindo que houvesse um perfilamento do público para quem poderia comercializar suas peças. 

Sara também reconheceu que demorou muito de compreender que as coisas estavam mudando e a plataforma da moda era o Instagram. “Foquei muito em um e acabei abandonando o outro. Hoje, meu desafio é o TikTok, para onde já estou com um certo atraso”, confidenciou.

Sara reconheceu o equívoco ao apostar tudo numa única forma de comercializar seus produtos (Foto: Reprodução)

Apesar desses equívocos, Sara foi buscar conhecer mais sobre marketing digital e voltou a crescer no negócio escolhido. Desde o início da pandemia, a marca de Activewear que leva o seu nome experimentou um crescimento surpreendente, afinal, ninguém mais estava comprando em lojas físicas e seu e-commerce disparou. “O problema veio com a retomada da vida normal, quando mais uma vez precisei apostar na capacidade de adaptabilidade para permanecer nos negócios”, ressaltou. 

Resiliência
No ano passado, a morte da mãe trouxe um recolhimento natural e Sara se viu abandonando as redes sociais, que eram as principais vitrines do produto. Com a queda nas vendas, a brasileira precisou ser hábil e rápida para descobrir onde estava errando e consertar para seguir adiante. 

“Criei um estúdio em casa, de onde produzo meus conteúdos para as redes sociais e percebi que o retorno é maior aqui do que no escritório, por exemplo”, diz.  A estratégia de estudar as possibilidades do marketing digital fez com que, nas últimas semanas, a marca Sara da Silva alcançasse 45% a mais de curtidas e comentários nas redes sociais e tivesse um aumento de 70% no alcance de visualizações. 

Para quem quer investir num negócio próprio, a empresária é enfática em lembrar que os desafios fazem parte (Foto: Reprodução)

Para o público presente no ao vivo, a empresária fez questão de pontuar que os desafios na tarefa de ter o próprio negócio sempre existirão, seja no Brasil ou no exterior. “Esses desafios acompanharão o negócio ao longo da existência e o que vai mudar é a sua experiência e a escala que eles terão. Então, só posso recomendar coragem e resiliência para seguir em frente”, completou.

Para assistir ao conteúdo completo da conversa com Sara da Silva, basta acessar a página do Correio, no Instagram. Os programas ficam gravados e possibilitam assistir ou rever qualquer trecho desejado. O programa ao vivo Empregos e Soluções é apresentado às quartas-feiras, sempre às 18 horas, na página do Correio, no Instagram. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas