Novo rumo para a Mercedes-Benz na Bahia

autos & etc
28.11.2020, 07:00:00

Novo rumo para a Mercedes-Benz na Bahia


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Mercedes-Benz em Salvador ganhou um novo concessionário, o Grupo Tecar. A empresa goiana, que atua em seis estados e no Distrito Federal e representa sete fabricantes, assumiu a operação que antes era gerida pela Rodobens.

Em conversa com o CORREIO, João Henrique Normanha, CEO do grupo, confirmou a inauguração da loja para 15 de dezembro e explicou que irá manter o time de vendas e fazer uma grande mudança no atendimento aos atuais clientes. "Os baianos vão sentir a mudança pelo pós-venda", comentou Normanha. O executivo comentou também que a linha AMG, que reúne o máximo em esportividade da marca alemã, terá uma atenção especial, pois há espaço para seu crescimento no mercado baiano.

A Tecar vai abrir as portas no dia 15 de dezembro no Dique do Tororó
A Tecar vai abrir as portas no dia 15 de dezembro no Dique do Tororó
A empresa irá apostar nos utilitários esportivos, como o GLB
A empresa irá apostar nos utilitários esportivos, como o GLB
Outro foco da empresa é na linha AMG
Outro foco da empresa é na linha AMG (Fotos: Daimler)

A Tecar Mercedes-Benz está sendo instalada no Dique do Tororó, em um espaço ocupado anteriormente pela Kia Sammar. Para Roberto Gasparetti, gerente de desenvolvimento de rede da Mercedes-Benz, a opção pelo local foi pela maior proximidade do endereço dos clientes.

Com 1.500 funcionários, atuando no mercado de automóveis desde 1993, e desde 2013 com a marca sediada em Stuttgart, na Alemanha, Normanha acredita que vai ter um bom resultado com os SUVs GLB, GLC e GLE. Atualmente, a líder entre os veículos premium na Bahia é a BMW, arquirival da Mercedes.

A VEZ DO SUV
Depois de apresentar a Hilux 2021 na última semana, a Toyota lançou essa semana o SW4 atualizado. O utilitário esportivo baseado na picape incorporou as mesmas mudanças no motor diesel, ganhou novas tecnologias e teve a dianteira modificada.

O propulsor turbodiesel de 2.8 litros agora rende 204 cv de potência, 15% a mais, e o torque passou para 50,9 kgfm, incremento de 11%. A Toyota também agregou na versão mais cara um sistema de assistência de frenagem, piloto automático adaptativo e detector de faixas.

São três opções, duas com motor 2.7 flex e tração 4x2 (SR e SRV) e uma diesel (SRX), que tem tração 4x4 e motor diesel. A  SR, que tem cinco assentos, custa R$ 202.390, e a SRV, com sete, é oferecida por R$ 221.090. A SRX custa R$ 309.690 com cinco lugares e por mais R$ 5.100 vem com espaço para sete pessoas. A transmissão é sempre automática de seis velocidades.

O Toyota SW4 concorre no mercado brasileiro com o Chevrolet Trailblazer e com o Mitsubishi Pajero Sport, ambos equipados somente com propulsores diesel. 

Depois de atualizar a picape Hilux, a Toyota apresentou o novo SW4 (Foto: Toyota)

PASSADO E FUTURO
Em uma série de vídeos produzidos para contar sua história de 25 anos no Brasil e seus planos futuros, o Grupo BMW prometeu fazer 15 lançamentos no mercado brasileiro no ano que vem. Além de modelos da própria BMW, a empresa vai introduzir veículos da MINI e motocicletas.

Parte importante da estratégia está focada no aumento do portfólio de veículos eletrificados, inclusive com a possibilidade produção na fábrica brasileira, que fica em Araquari, em Santa Catarina. Para acompanhar os vídeos que contam a história da marca baseada em Munique, na Alemanha, acesse BMWGroupNext.com.br.

CHAVE VIRTUAL
A BMW também anunciou a ampliação da Digital Key, para o Z4 e Série 1 M135i, por meio da atualização remota de software. Ou seja, mesmo quem já possui o carro poderá atualizá-lo via internet e ter a possibilidade de usar o iPhone e Apple Watch para trancar e destrancar o veículo, além de ligar o veículo utilizando apenas o smartphone. Antes o recurso era exclusivo para o 530e.

Alguns modelos da BMW podem ser abertos com o iPhone ou Apple Watch (Foto: BMW)

MODIFICAÇÕES EXCLUSIVAS
A edição deste ano da SEMA Show, maior feira de personalização de veículos do mundo, em Las Vegas, EUA, foi cancelada devido à Covid-19. Diante disso, a Ford criou um evento virtual e mostrou modelos especialmente modificados.

Um dos destaques foi MAD Bronco Sport Badlands, que foi preparado pela MAD Industries, consagrada construtora de projetos personalizados da Ford.

Com o cancelamento da SEMA Show, a Ford fez uma apresentação virtual (Foto: Ford)

350 MIL
A Jeep chegou a 350 mil unidades do Renegade produzidos no Brasil, desde que começou a produzir o SUV compacto no polo automotivo do Grupo FCA em Goiana, em Pernambuco. Primeiro modelo feito nessa fábrica, inaugurada em 2015, o Jeep compacto é exportado de lá para outros 12 países da América Latina.

A Jeep comemora a produção de 350 mil Renegade em Pernambuco (Foto: Arisson Marinho/CORREIO)


 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas