O LoL e os pós-millennials

artigo
07.11.2019, 09:05:07

O LoL e os pós-millennials


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.


Nascidos entre os anos 90 e 2000, a chamada geração Z ou pós-millennials já chegaram conectados e estão entrando no mercado de trabalho. Eles são nativos digitais e enxergam os seus dispositivos eletrônicos como uma ferramenta para dar eficiência às tarefas diárias, fazendo do seu smartphone o centro do mundo. Pensando no aproveitamento do potencial dessa geração, empresas estão utilizando novas estratégias. Agora é o mercado de trabalho que tenta se adaptar a essa mão de obra que surge com características próprias, adotando uma nova linguagem de comunicação e precisando de autonomia e responsabilidade em iguais proporções.

Trata-se de uma geração que nasceu acompanhando a evolução digital, como a massificação da internet, o que propiciou infinitas possibilidades, inclusive a de jogos eletrônicos, ou eSports. Quem antes jogava sozinho de suas casas viu surgir competições online, podendo jogar e competir com pessoas de todo o mundo. Esse movimento cresceu de forma silenciosa, ganhou força e hoje é uma realidade. Os eSports estão cada vez mais organizados e, embora bem profissionalizados, ainda não há no Brasil um reconhecimento oficial dessa modalidade, mesmo o país figurando em terceiro lugar de audiência, atrás apenas da China e dos Estados Unidos.

A regulamentação dos eSports como prática esportiva representa a inserção dessa geração em um novo setor profissional ainda pouco entendido e aceito entre os mais tradicionais, mas que traduz a forma como as pessoas começam a se relacionar entre si e com a tecnologia. Essas mudanças refletem as características trazidas pela Indústria 4.0 e seus desdobramentos, também conhecida como a 4ª Revolução Industrial. Acompanhando essa tendência, inúmeras universidades americanas oferecem cursos sobre designs de jogos. No Brasil, cursos de graduação voltados para o desenvolvimento de games já são encontrados nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná.

O LoL (League of Legends) é o título que mais se destaca entre os eSports. Completando, agora 10 anos, o jogo coleciona recordes. Apenas no último mês de setembro, foi a produção para computador mais jogada no mundo, registrando 100 milhões de usuários online, segundo a Riot, desenvolvedora do jogo. No Brasil, a principal comemoração ao aniversário do LoL será realizada em São Paulo, com jogadores profissionais e streamers, lançando novos produtos.

É pela importância e o crescente aumento de popularidade dos esportes eletrônicos que apresentei um projeto de lei na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) propondo a regulamentação dessa atividade no estado, como já ocorre em outros países do mundo. A proposta tem como objetivo regularizar essa prática como desporto não formal, haja vista as frequentes e concorridas competições profissionais existentes, bem como a formação de equipes e jogadores que se dedicam exclusivamente a esses esportes.

Essa modalidade vem movimentado a economia, o que tem garantido espaço na mídia televisiva, com expressiva audiência de público e ibope. O faturamento deste setor atingiu 1,5 bilhão de dólares em 2018 no Brasil, sendo líder na América Latina. Por todos esses motivos, percebe-se que os amantes desse esporte precisam estar conscientes da abrangência de suas potencialidades e do quanto serão demandados por este novo mercado de trabalho.


Paulo Câmara é deputado estadual

Opiniões e conceitos expressos nos artigos são de responsabilidade dos autores

***

O CORREIO entende a preocupação diante da pandemia do novo coronavírus e que a necessidade de informação profissional nesse momento é vital para ajudar a população. Por isso, desde o dia 16 de março, decidimos abrir o conteúdo das reportagens relacionadas à pandemia também para não assinantes. O CORREIO está fazendo um serviço de excelência para te manter a par de todos os últimos acontecimentos com notícias bem apuradas da Bahia, Brasil e Mundo. Colabore para que isso continue sendo feito da melhor forma possível. Assine o jornal.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/duster-2021-veja-tudo-que-mudou-no-suv-da-renault/
Jornalista automotivo testou o modelo e apresenta suas impressões
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/novelas-classicas-chegam-ao-globoplay-e-a-favorita-e-a-primeira/
'Laços de Família', 'Vale Tudo' e 'Tieta' estão entre as próximas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/sao-joao-parte-1-dia-de-tradicao-antecipada-teve-licor-e-forro-em-familia-em-salvador/
Para aliviar tensão da pandemia, muita gente recorreu ao humor e, claro, ao rango típico nessa segunda-feira atípica
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/anitta-x-leo-dias-entenda-o-conflito-entre-a-cantora-e-o-jornalista/
Cantora afirmou que era ameaçada e chantageada há alguns anos
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/veja-dicas-para-se-dar-bem-nas-selecoes-de-emprego-pela-internet/
Especialistas selecionam uma série de orientações importantes para fazer bonito nas entrevistas
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/cheio-de-graca-baianos-criam-memes-com-a-antecipacao-de-feriados/
Confira alguns memes que estão 'bombando' nesse feriadão antecipado por conta da pandemia
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/populacao-desrespeita-decretos-e-faz-ate-paredao-em-simoes-filho/
Comércio não-essencial estava aberto na cidade; prefeitura local faz apelo
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/bolsonaro-come-cachorro-quente-em-brasilia-sob-gritos-de-assassino/