OMS vai retomar testes com hidroxicloroquina para covid-19

coronavírus
03.06.2020, 13:47:00
(AFP)

OMS vai retomar testes com hidroxicloroquina para covid-19

Decisão foi tomada após The Lancet anunciar auditoria em artigo que falava de riscos do medicamento

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) anunciou nesta quarta-feira (3) que vai retomar os testes com a hidroxicloroquina para o combate à covid-19.

Os testes foram suspensos no último dia 25 depois que um estudo publicado pela revista científica The Lancet indicava que a substância não trazia benefícios para pessoas com a doença, além de aumentar o risco de arritmia cardíaca em quem usava.

Mas ontem a revista publicou uma nota manifestando "preocupação" com os dados usados no estudo, afirmando que está fazendo uma auditoria para confirmar os resultados.

Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS, afirmou que a entidade resolveu continuar a pesquisa com base nas informações hoje disponíveis sobre mortalidade na doença.

"O comitê de segurança e monitoramento de dados dos ensaios Solidariedade revisou os dados. Com base nos dados sobre mortalidade disponíveis, os membros do comitê decidiram que não há motivo para modificar o protocolo do ensaio", afirmou.

A cloroquina é usada para tratamento de várias doenças, mas seu uso no combate à covid-19 ainda está envolvido em debate e controvérsia na comunidade médica. O Ministério da Saúde brasileiro revisou um protocolo para permitir que a substância seja usada por pacientes com a doença desde os quadros leves. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas