Pandemia impulsiona venda de produtos de informática

donaldson gomes
20.11.2020, 05:00:00

Pandemia impulsiona venda de produtos de informática


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Mais computadores
O aumento na demanda pelo ensino e o trabalho à distância durante a pandemia do novo coronavírus compensaram o impacto negativo da alta do dólar para o setor de informática, em especial para os fabricantes de computadores. Exemplo disto é o resultado da Positivo Tecnologia no terceiro trimestre. A empresa de tecnologia, que inaugurou uma unidade em Ilhéus, em plena pandemia, registrou um lucro líquido de  R$ 50,309 milhões – crescimento de 455,3%, na comparação com o mesmo período de 2019. Segundo a empresa, as vendas de computadores tiveram aumento de 22,4%, enquanto a alta no caso dos tablets chegou a 332,4%. "Se o dólar sobe, é inevitável um aumento de custos, mas a pandemia gerou uma demanda muito grande por computadores", conta Edson Toffoli, diretor industrial da Positivo Tecnologia. 

Bom começo 
Edson Toffoli, diretor industrial da Positivo Tecnologia conta que a unidade em Ilhéus vem se saindo bem, apesar do início da operação em um período conturbado. A unidade emprega diretamente 200 trabalhadores. A fábrica na cidade baiana  possui capacidade para produzir, por mês, 44 mil computadores e 86 mil celulares. "Ilheus é um polo de tecnologia na Bahia.Já tivemos unidade lá no passado e sabíamos do potencial da região", destaca. Ele ressalta o potencial que a região tem para investimentos na área. Além de pessoal qualificado, existem também fornecedores acostumados lidar com empresas do setor. "Contamos muito com o pessoal local. A gente transfere muito poucas pessoas. Se tiver 5% de pessoas de fora é muito", destaca. 

Privatização da Codeba
O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai iniciar estudos sobre a privatização da Companhia Docas do Estado da Bahia (Codeba), afirmou ontem o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, em seminário online, sem dar mais detalhes sobre o assunto. A expectativa da pasta é que a primeira privatização de porto do país, a Companhia Docas do Espírito Santo, ocorra no próximo ano, junto com uma leva de outros projetos de infraestrutura com os quais o governo investimentos da ordem de R$ 100 bilhões, com a inclusão também de aeroportos, rodovias e ferrovias.

Influência digital
O Shopping Bela Vista está abrindo um processo seletivo pra contratar, capacitar e rankear influenciadores digitais, com um investimento de R$ 350 mil no processo. A FHits vai fazer a curadoria do processo, oferecer treinamento, aconselhamento e recursos aos participantes. A empresa é a primeira media house de mídias sociais digitais do Brasil e a maior audiência feminina online de social mídia da América Latina, com mais de 75 milhões de seguidores.  

Aposta em retomada
A Mundo Caramelo está apostando na retomada das festas infantis. Enquanto alguns buffets baianos fecharam as portas durante a pandemia, os sócios apostaram na ampliação do buffet e investiram mais de R$ 1 milhão, entre aquisição de imóvel, reforma e brinquedos para o espaço. A expectativa é realizar entre 20 a 30 festas por mês. 

Hapvida
O Sistema Hapvida registrou um Ebitda de R$ 512,2 milhões no terceiro trimestre do ano, o que representa crescimento de 93,8% em relação ao ano passado. 

TIM + Vantagens
Lançado há três meses, o programa de vantagens da TIM para o pré-pago superou a marca de 1,3 milhão de downloads e 47% dos usuários são considerados “fiéis”.
 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas