PF cumpre mandado de busca e apreensão em condomínio de luxo no Horto Florestal

satélite
24.11.2020, 06:55:00
Atualizado: 24.11.2020, 11:26:20

PF cumpre mandado de busca e apreensão em condomínio de luxo no Horto Florestal


Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Apontado pela Polícia Federal como alto integrante de uma organização criminosa especializada em tráfico internacional de drogas através dos portos brasileiros e lavagem de dinheiro, o empresário paranaense Luiz Carlos Bonzato foi ontem o principal alvo da Operação Enterprise na Bahia. Segundo apurou a Satélite, a PF cumpriu mandado de busca e apreensão em um apartamento do Villaggio Panamby, condomínio de luxo localizado no Horto Florestal, zona nobre de Salvador. Embora o endereço seja ligado a ele, Bonzato foi preso em São Paulo. De acordo com a investigação, o empresário era responsável direto pela logística montada para envio de toneladas de cocaína à Europa. 

Elo internacional
Basicamente, a função de Bonzato era cuidar do transporte da droga e cooptar pessoas que atuam na exportação de cargas lícitas, garantindo que a cocaína fosse incluída no interior dos contêineres transportados a partir do Porto de Salvador, rumo a países europeus. Para isso, usava empresas do ramo de comércio exterior.

Ficha corrida
Luiz Carlos Bonzato, ainda de acordo com indícios coletados pela Enterprise, integra uma família conhecida pela influência no Porto de Paranaguá, litoral paranaense, tido como maior escoadouro marítimo para exportação de produtos agrícolas do país e terceiro  em volume de cargas transportadas por contêineres. Ao mesmo tempo, o empresário preso pela PF é herdeiro de um dos mais antigos clãs do jogo do bicho no Paraná.

Laços de poder
Em outra operação da PF na Bahia, a Metástase, elementos coletados até agora têm potencial de criar embaraços para cardeais de partidos que gravitam em torno do PT. Sobretudo, pelos laços que unem empresas suspeitas de desviar recursos referentes a contratos com a Secretaria Estadual de Saúde (Sesab) na área de gestão hospitalar e parentes de políticos baianos de expressão.

Fio de novelo
Arquivos armazenados em computadores apreendidos durante a Metástase, deflagrada na última quinta, deram as chaves que podem levar o caso para a esfera política.

Parado na pista
Apesar de manter o patrocínio da Bohemia ao Festival da Virada, agora virtual, a Ambev apertou o freio sobre demais festas de Verão em Salvador. O que inclui Bonfim, 2 de Fevereiro e Carnaval.  “O cenário ainda é incerto. Estamos em contato com autoridades, agremiações, setor privado e consumidor para entendermos os próximos passos. Em um ano como este, o que mais importa é a segurança e a saúde da população. Este é o principal critério que estamos levando em conta”, disse a Ambev, em nota à coluna.

Saída para cima
Um secretário com alta credibilidade no Thomé de Souza deixará o cargo em meio à transição entre o prefeito ACM Neto e o sucessor, Bruno Reis (DEM). Mas já virou pivô de duelos travados por gente interessada em ter o passe dele.

Não podemos retroceder e nem iremos. É preciso cumprir o compromisso da reparação histórica com política públicas efetivas para a população negra do nosso país - ACM Neto, prefeito de Salvador e presidente nacional do DEM, ao garantir apoio às ações voltadas a combater o racismo e a violência com base na cor da pele, e a programas que visem reduzir desigualdades vividas pelos negros

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas