PM desmonta acampamentos de caça ilegal em Porto Seguro

bahia
03.06.2019, 14:00:00
Atualizado: 03.06.2019, 14:05:02

PM desmonta acampamentos de caça ilegal em Porto Seguro

Caça é considerada crime no Brasil

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Uma denúncia levou policiais militares da Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental (CIPPA) a um acampamento de caçadores em Porto Seguro, no sul da Bahia.

A busca aconteceu pelo Rio dos Frades e pela mata, onde seis acampamentos foram localizados. No local, foram apreendidas seis espingardas, uma garrucha, 27 trabucos, esferas de aço e de chumbo, recipientes com pólvoras e buchas de pano. Os caçadores não foram encontrados.

A ocorrência foi registrada na delegacia de Porto Seguro, onde todo material apreendido foi apresentado.

A caça contra animais silvestre sé crime previsto por lei e só pode acontecer com uma licença ou autorização do Ibama ou de algum órgão estadual de proteção à natureza. Mesmo a caça esportiva sem autorização configura o crime.

Foto: Divulgação/PM

Decreto de Bolsonaro não autoriza caça
Recentemente, o presidente Jair Bolsonaro assinou um decreto que permite que atiradores esportivos, caçadores e colecionadores de armas possam andar com armas de fogo carregadas. O documento também dá posse automática a praças das Forças Armadas com mais de 10 anos de serviço. 

O acesso à munição para essas categorias será ampliado de 50 cartuchos para 1 mil. No entanto, isso não significa que a caça está permitida no país. "Fomos no limite da lei. O que a lei abria oportunidade para nós, fomos no limite", disse o presidente. Ele também ressaltou que "ninguém está liberando caça no Brasil" e disse que mudanças nas regras para caça de animais no País teria de passar pelo Congresso.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas