Podcast Pagode Por Elas estreia nova temporada

correio afro
07.02.2022, 16:00:00
Beatriz Almeida e Joyce Melo são idealizadoras do projeto (Divulgação)

Podcast Pagode Por Elas estreia nova temporada

Serão 9 episódios, que vão ao ar semanalmente nas plataformas de streaming, mídias e YouTube

Como construir caminhos para inclusão das mulheres e fomentar uma nova década na indústria musical? Esse é o tema central que vai nortear a nova temporada do podcast Pagode Por Elas #PodUmaNovaDécada que estreia na próxima quarta-feira (9), nas plataformas de streaming, mídias sociais e também no YouTube. 

Em 9 episódios que irão ao ar semanalmente, as co fundadoras da Pagode Por Elas - primeira plataforma de conexão, informação e entretenimento sobre mulheres do pagode baiano - Joyce Melo e Beatriz Almeida, entrevistam profissionais conhecidos e reconhecidos do mercado da música baiana e da economia criativa.

"Acreditamos na possibilidade de construir uma nova década, esta é a razão de ser da Pagode Por Elas, e o podcast é uma das formas que encontramos de construir pontes para que o mercado da música deixe de ser dominado por homens do backstage até os palcos. Nossa forma de hackear é trazer quem apoia esse movimento para perto, primeiro para acreditarmos juntos que #PodUmaNovaDécada e, segundo, para entender como podemos fazer para chegar lá mais rápido", explica Joyce Melo, Diretora Executiva da Pagode Por Elas.

O produto faz parte da frente de conteúdo da plataforma e segue o formato de podcasts de entrevista em vídeo trazendo, a cada episódio, elementos de interação e engajamento, como surpresas, pegadinhas, jogos, em uma dinâmica semelhante à programas de auditório como Pânico na TV e Lady Night.

Maurício Sacramento, da Batekoo, a cantora Ju Moraes, a produtora e relações públicas Ana GB, o empresário Pedro Tourinho, a empresária Ítala Herta e o diretor da Avalanche Music ÉoCrosss são alguns dos convidados e convidadas confirmadas.

"Entendemos que é preciso compreender a estratégia de todo o cenário musical e buscar transformá-lo, pois só assim começaremos a de fato delinear novos tempos para o pagodão, dessa vez com diversidade, feito por e para elas", explica Joyce.

É com essa pegada que a dupla quer colecionar boas risadas e cumprir o seu principal objetivo: trilhar caminhos possíveis para uma nova década na música para as mulheres.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas