Prefeitos do sul da Bahia pedem apoio no combate ao coronavírus

coronavírus
15.04.2020, 20:00:00
(Tiago Caldas/Arquivo CORREIO)

Prefeitos do sul da Bahia pedem apoio no combate ao coronavírus

PM foi solicitada a apoiar Guardas Municipais

Com dificuldades no combate ao novo coronavírus, prefeitos de municípios no sul da Bahia se reuniram com o secretário de saúde do estado, Fábio Vilas Boas, de forma virtual, para tratar de ações de enfrentamento e pedir apoio. Segundo informações da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), cerca de 20 prefeitos participaram do encontro, que ocorreu na terça-feira (14).

Representantes de Arataca, Buerarema, Camacã, Canavieiras, Coaraci, Floresta Azul, Ibicaraí, Ibirapitanga, Itabuna, Itapitanga, Itajuípe, Ilhéus, Maraú, Mascote, Pau Brasil, Ubaitaba, Ubatã, Una e Uruçuca expuseram seus principais problemas e dificuldades diante da pandemia da covid-19. A maioria relata que o grande desafio é convencer as pessoas a não se aglomerarem em feiras livres, lotéricas, bancos, bares, templos religiosos e até em velórios.​

"A região sul está se destacando num surto crescente no número de casos, superando o município de Feira de Santana, que hoje está com 50 casos confirmados, enquanto apenas Ilhéus e Itabuna, juntas, somam 77 casos", ressaltou o secretário.​ 

Segundo boletim mais recente da Sesab, divulgado às 17h desta quarta, Ilhéu aparece com 49 casos, apenas um a mais que o município feirense, enquanto Itabuna já tem 28 infectados.

Na reunião virtual, foi discutido o funcionamento do comércio, que é livre em cidades que não possuem casos confirmados de covid-19. O titular da pasta da Saúde ressaltou a necessidade de observar o decreto estadual sancionado na última terça-feira (13), que obriga os comerciantes a oferecerem máscaras aos funcionários e clientes a fim de garantir uma zona de comércio livre de coronavírus.​

Em relação às feiras livres, já existe uma nota técnica do Comitê Estadual de Emergências em Saúde Pública, disciplinando que as barracas mantenham uma distância de 3 metros uma das outras, e os vendedores só possam trabalhar com máscaras.​

Após a reunião, o secretário estadual gravou um vídeo em que faz um apelo às pessoas que moram na região. “Ontem (terça, 14) discutimos a situação grave pela qual vem passando toda região sul, enfrentando o coronavírus em franca expansão em vários municípios. É preciso um esforço em conjunto, das prefeituras, do governo do estado, mas sobretudo, da população, comerciantes, imprensa local, para que nós possamos conter a expansão da doença. A doença corre o risco de sair do controle e, por isso, precisamos que os municípios se unam proibindo comércio, bares, conglomerados, cultos religiosos, e que, juntos, coloquemos as pessoas dentro de casa. Se alguém precisar sair, que todos usem máscaras”, disse Vilas Boas. 

Ao final do encontro, a Sesab recebeu ainda ainda um apelo dos prefeitos do sul para que a Polícia Militar da Bahia intervenha nos municípios para apoiar o trabalho das guardas municipais. Segundo a pasta, a demanda será direcionada para a Secretaria da Segurança Pública (SSP).

Procuradas pelo CORREIO, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) e a Polícia Militar (PM) não responderam aos questionamentos da reportagem.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas