Prefeitura de Salvador debate construção de políticas públicas sobre drogas

salvador
28.09.2021, 19:21:00
(Divulgação/SEMPRE)

Prefeitura de Salvador debate construção de políticas públicas sobre drogas

Secretaria Municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza se reuniu com profissionais cearenses

Uma comitiva da Diretoria de Políticas Sobre Drogas (DPSD), da Secretaria Municipal de Promoção Social, Combate à Pobreza (Sempre), participou de encontros na segunda e terça-feira, em Fortaleza, no Ceará, com técnicos especialistas na área, para troca de experiências entre as gestões. A criação de um canal de comunicação exclusivo para que usuários e familiares tenham acesso aos serviços e a implantação de um Centro de Referência de Políticas sobre drogas foram colocadas como prioridades pelos gestores da cidade.


De acordo com o secretário da Sempre, Kiki Bispo, a interação com outros municípios é fundamental para o aperfeiçoamento das políticas públicas. "Todos saem ganhando com essa troca de experiências. Pudemos apresentar muito do que estamos fazendo e também absorver informações que serão importantes para continuarmos avançando nessa área. Estamos construindo a base para Salvador ser uma referência nacional nas políticas sobre drogas", declarou.


A diretora da Política Sobre Drogas, Juliana Portela, avaliou positivamente os encontros na capital cearense. Nesta terça-feira (28), a comitiva soteropolitana se reuniu no Centro Integrado de Referência Sobre Drogas de Fortaleza. O coordenador adjunto do órgão, Erasmo Lenz, foi o responsável pela apresentação do trabalho que está sendo desenvolvido na capital cearense.


 "Salvador e Fortaleza são cidades com características semelhantes também do ponto de vista social. Vários projetos que temos na capital baiana podem ser aplicados em Fortaleza, assim como muitas propostas que são desenvolvidas na capital do Ceará podem ser aproveitadas na nossa cidade, avaliou a diretora Juliana Portela.


A diretora da DPSD revelou ainda a expectativa de continuar avançando nos próximos meses. "O Centro de Referência de Políticas Sobre Drogas é uma meta que já estamos tirando do papel. Outras iniciativas como o varal de redução de danos, pesquisa do perfil dos usuários, e a criação de um grupo técnico de trabalho de rede são muito importantes e também já estão no nosso radar", finalizou.


Também fizeram parte da comitiva de Salvador em Fortaleza a assessora da DPSD Roberta Padre, Ivana Ramos (Coordenadoria de Ações Sociais), além do gerente de Esportes, Rafael Seara.

(Divulgação/SEMPRE)

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas