Quarentena faz Netflix ganhar quase 16 milhões de assinantes

coronavírus
21.04.2020, 20:20:00
Atualizado: 21.04.2020, 20:58:30
(Foto: Divulgação)

Quarentena faz Netflix ganhar quase 16 milhões de assinantes

Demanda deve continuar crescendo no segundo trimestre segundo a empresa

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

A quarentena para conter a pandemia do novo coronavírus em todo o mundo fez a Netflix ganhar 16 milhões de assinante. O número é praticamente o dobro do previsto por analistas para o primeiro trimestre.  As ações da gigante de streaming, que subiram cerca de 35% este ano, avançaram 4% no after-market.

A demanda por serviços de streaming aumentou nos últimos meses, com o vírus em rápida expansão, que infectou mais de 2,5 milhões de pessoas em todo o mundo, restringindo o movimento.

Alguns analistas acreditavam que o cenário seria outro, e que as assinaturas de serviços de streaming estariam entre os primeiros itens a serem cortados por pessoas em meio a uma onda de demissões e temores de uma recessão econômica por causa da pandemia.

E a crescente deve continuar. No segundo trimestre, a Netflix espera adicionar 7,5 milhões de assinantes pagos globalmente em comparação com as estimativas de analistas de 3,81 milhões, também de acordo com FactSet.

No primeiro trimestre, a empresa adicionou 3,6 milhões de assinantes na Ásia-Pacífico, sua região de crescimento mais rápido. Na América Latina foram 2 milhões de novos assinantes.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas