Região da Itália oferece R$ 3 mil mensais a quem for morar lá

em alta
12.09.2019, 12:53:00
Atualizado: 12.09.2019, 15:28:06

Região da Itália oferece R$ 3 mil mensais a quem for morar lá

Contrapartida é abrir um negócio no local

Algumas regiões da Itália estão sofrendo com o problema do abandono populacional. Dentre elas está a de Molise, no sul do país, que para contornar a situação está oferecendo 700 euros mensais (cerca de R$ 3,1 mil) para quem se mudar para alguma de suas pequenas cidades.

Entretanto, não é só se mudar para lá. A contrapartida é abrir um negócio no local - uma padaria, restaurante, mercado. "É uma forma de soprar vida nas nossas cidades enquanto também aumentamos a população", disse Donato Toma, presidente da região de Molise, ao jornal inglês The Guardian. 

O plano atenderá a cidades da região com menos de 2 mil habitantes. Os municípios também receberão dinheiro para melhorar sua infraestrutura e realizar atividades culturais. Molise tem, ao todo, cerca de 305 mil moradores - população aproximada de Vitória da Conquista, por exemplo.

A região perdeu 9 mil moradores desde 2014. Ao norte de Nápoles, Molise tem área de 4.438 quilômetros quadrados, número menor que a do Distrito Federal do Brasil (5.802 km quadrados). O edital com as regras para pleitear o benefício ainda será divulgado. Não foi informado se pessoas de outras nacionalidades, como brasileiros, poderão se candidatar. 

A Itália tem atualmente menos de 55 milhões de habitantes, número mais baixo em 90 anos. A população encolhe porque nascem poucos bebês no país e muitos jovens vão para o exterior em busca de salários melhores.

Para atrair moradores, algumas cidades, como Sambuca, passaram a revender casas abandonadas por valores simbólicos, como 1 euro (R$ 4,47), para quem quiser ir morar nelas. Outras liberaram alguns desses imóveis para abrigar imigrantes vindos da África. 

"Nós focamos em muitos molisenses que vivem fora da região e pretendem retornar à sua terra e também em não molisenses que desejam desfrutar da tranquilidade e da saúde do nosso território", disse Antonio Tedeschi, conselheiro da região, em uma rede social.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/video-drone-mostra-como-ficou-pista-de-pouso-apos-queda-de-aviao-em-marau/
Imagens mostram pista com marcas de incêndio e danos na aeronave
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/homem-cai-nos-trilhos-do-metro-em-sao-paulo-veja-video/
Maquinista conseguiu frear a tempo; testemunhas dizem que ele desmaiou
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/fab-apura-se-piloto-de-acidente-em-marau-pousou-aviao-antes-da-pista/
Imagem de drone mostra como ficou pista após queda do jatinho
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/ex-affair-de-anitta-mc-rebecca-abre-o-jogo-sobre-briga-da-cantora-com-ludmilla/
'Estamos vivendo um momento em que as mulheres precisam se unir', disse a funkeira
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/obras-hiper-realistas-de-giovani-caramello-sao-expostas-na-caixa-cultural/
Um dos destaques é Nikutai, com impressionantes 2,5 metros de altura
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/aviao-sobrevoa-cidade-catarinense-com-faixa-pedindo-a-prisao-de-lula-assista/
Em Balneário Camboriú, Bolsonaro teve 82% dos votos válidos no 2º turno da eleição
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/lula-diz-que-e-um-homem-melhor-do-que-quando-entrou-na-cadeia/
Segundo a organização, 200 mil pessoas compareceram a ato em Recife
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/conheca-a-turma-de-criancas-em-salvador-que-aprendeu-a-nao-sentir-mais-medo/
Projeto em escola discute medo, coragem e grandes dramas da vida para crianças de até 12 anos
Ler Mais