Se a terra é plana, a Bahia é plena: 10 vezes que os baianos desafiaram a ciência

baianidades
12.05.2019, 06:00:00

Se a terra é plana, a Bahia é plena: 10 vezes que os baianos desafiaram a ciência

Anos-luz à frente da humanidade, baianos já quebram várias teorias científicas

Assim como beijar na boca, namorar sem os devidos trajes também virou coisa do passado. A moda agora é, na arrogância mesmo, desafiar a ciência e seus preceitos universais comprovados por teoremas, hipóteses testadas e análise rigorosa. 

Pois sim, o espírito (de porco) do nosso tempo é atacar as universidades, os professores, os estudos críticos e meter umas verdades de araque como se fossem grandes descobertas científicas. Tem uma turma aí que já joga War sem atravessar os exércitos de Vladivostok para o Alaska: são os chamados terraplanistas.

Eles acreditam pia(e plana)mente que a Terra tem o formato de um LP do Balão Mágico, mas, claro, sem o balão, que é redondo. A verdadeira mágica deles é tentar provar que essa teoria faz sentido mesmo com imagens de satélites, fotos da curvatura do planeta e a bendita teoria da gravidade demonstrando que estão redondamente enganados.

Não dá pra brigar com aluado. Incutido é pior que doido, diz a mãe de um querido amigo. E se a terra é mesmo plana, a Bahia é plena (sempre gostei dos filmes que, em determinado momento, falam exatamente o nome do título no meio da história). Os baianos já desafiaram as leis da ciência em muitos momentos provando que, em termos de evolução natural da espécie, caminhamos anos-luz frente à humanidade.

Veja esta lista com dez momentos nos quais os baianos desafiaram a ciência e mostraram que, embora Isaac Newton seja o pai da Física, o Isaac mais famoso por aqui é aquele que nos faz dançar esse reggae.

1 – Água em estado líquido

A água é encontrada na natureza em três estados físicos: líquido, sólido e gasoso. A maior parte do planeta Terra é coberta de água no estado líquido (deveria até se chamar planeta Água... alô Guilherme Arantes!).

A depender da temperatura que atinja, a água passa por até cinco processos de transformação na natureza. Ela pode virar gelo (sólida) ou vapor (gasosa) – ou mesmo percorrer os processos inversos e alternados.

A Bahia é o único lugar do mundo todo que a água, mesmo líquida, é ingerida como se fosse sólida. Trocando em miúdos, nenhum outro lugar do mundo o povo come água como aqui!

2 – Dois corpos no mesmo lugar, ao mesmo tempo

O princípio da impenetrabilidade diz que, dado à quantidade de matéria, dois corpos não podem ocupar o mesmo espaço ao mesmo tempo.

Quem escreveu isso jamais, em hipótese alguma, sem sombra de dúvida, passou perto da pipoca de Igor Kannário numa segunda-feira de Carnaval.

Eu digo isso e posso provar.

Foto: Evandro Veiga/Arquivo CORREIO

3 – Teoria do tempo

Embora não seja palpável, é impossível negar a existência do tempo e a ação determinante que ele provoca em nossas vidas. Existem milhões de exemplos que demonstram como o tempo pode ser generoso (alô Carla Perez) ou mesmo devastador (complete aqui com sua banda de Axé preferida).

Bom ou mau, a única certeza sobre o tempo é que ele não para. Sempre caminha pra frente e não existe nada que possa impedir sua ação progressiva. Na verdade, apenas uma força da natureza pode barrá-lo: o baiano injuriado.

No auge da ira, o baiano fatalmente mandará você tomar no fusquête. Não apenas tomar lá no briôco. Mas, precisamente, dar MEIA HORA de cu e COM O RELÓGIO PARADO.

É um paradoxo temporal que afeta o contínuo espaço-tempo do universo.

4 – Propriedade do gás

O gás é um dos estados da matéria. Ele não tem forma, volume e é uma coleção de partículas (moléculas, átomos e elétrons) cujos movimentos são aleatórios (roubei esse texto da Wikipédia).

Sendo um estado sem volume e sem forma definida, não é possível cortar o gás, retorcê-lo, moldá-lo ou dançar arrocha com ele no Parque de Exposições.

No entanto, novamente entra em campo uma força da natureza trabalhada na exceção: o baiano apressado.

Se estiver agoniado, na noia ou fugindo de alguma cobrança, o baiano vai, não tenha nem dúvidas, abrir o gás.  

5 – Alimentos transgênicos

Enquanto o mundo ainda engatinha na engenharia de alimentos e propõe a mutação de algumas espécies para melhorá-los geneticamente, o baiano ousa.

Os geneticistas mais graduados, no máximo, conseguem produzir melancia sem caroço, arroz-dourado (não confundir com golden shower) e plantar tomates de tamanhos muito maiores que os naturais. O baiano, no entanto, já conseguiu transmutar genes humanos para vegetais e criar verdadeiras plantações híbridas.

Numa eventual azoação, por exemplo, você poderá ser convidado pelo baiano a fazer uso, via oral, de um frondoso canavial de rola.

Mas caso você crie muito problema ou fique procurando intriga, o generoso baiano vai convidá-lo também para abandonar este pé de pica e ir procurar um jegue viúvo na praia.

6 – Plantas herbáceas não têm propriedades explosivas

A botânica já estudou de cabo a rabo as herbáceas e não conseguiu encontrar nenhum indício que elas possuem propriedades explosivas. Elas, definitivamente, não servem como princípio ativo para bombas atômicas, nitroglicerina ou Napalm.

Um baiano, no entanto, dobrou esta teoria. Em 24 de julho de 2016, um homem entrou em uma sala de prova durante o exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e ameaçou explodir o prédio da universidade, na Avenida Paralela. Amarrado ao corpo não havia explosivos, bombas, ou qualquer artefato explosivo.

Apenas balas de gengibres (da família das herbáceas) altamente radioativas e perigosas.

7 – Lady Eddie Murphy

Essa é a lei dos pessimistas. Daquele encosto ruim, espírito de porco que trabalha com o seguinte preceito: “tudo que puder dar errado, dará”.

Se durante o café da manhã um pão-delícia cair da sua mão, diz a Lady Eddie Muprhy, ele fatalmente cairá com a parte do recheio virada pra baixo.

Essa é mais uma teoria que o baiano subverte. Por estas bandas, se uma coisa pode dar errado, ela fatalmente dará muito errado. E pior! Todo mundo ficará sabendo. Não existe segredo na Bahia. Se ligue, todo mundo sabe com quem você se deita.

8 – Lei da gravidade

Em 2011, 2012 e 2013, o Bahia, e em 2016 e 2017, o Vitória, montaram times horríveis para a disputa da Série A do Campeonato Brasileiro. Eram times tão ruins que ninguém sabe como não figuraram entre os quatro piores na tabela do Nacional.

O Bahia tinha jogadores como Coelho, Diego Jussani, Lulinha e Zezinho. Já o Vitória tinha preciosidades como Alípio, Norberto, Dakson e Jhemerson.

Nesses cinco anos, a dupla Ba-Vi desafiou a Lei da Gravidade e não caiu.

9 – Leis da óptica

A primeira lei da reflexão diz que o raio incidente, o raio refletido e a reta normal são coplanares. Ou seja, coexistem no mesmo plano geométrico. Já a segunda lei da óptica diz que o ângulo refletido é igual ao ângulo de incidência.

A óptica é o ramo da física que estuda os fenômenos ligados à luz e, consequentemente, à visão. Os baianos dão de ombros pra essa aporrinhação toda.

Pega a visão, meu filho.

10 – Quebrar o preconceito

Esse último tópico não é exatamente uma Lei da Ciência. No entanto, como é uma frase atribuída a um dos maiores cérebros do século XX, entra neste seleto rol.

O físico alemão Albert Einstein (1879-1955) largou o seguinte doce: “Triste época! É mais fácil desintegrar um átomo que um preconceito”. O átomo é a parte indivisível da matéria. Literalmente trocando em miúdos, é uma parte tão pequena que não pode ser mais dividida.

A Bahia, berço da cultura afro-brasileira, das diversas crenças, da força negra, da primeira resistência indígena, é uma força na natureza capaz de impedir que tal sentença de Albertinho se concretize por inteiro. Aqui o preconceito pode e, deve sim, ser sempre quebrado.

Afinal, não existe maior teoria que esta aqui: baiano é outro nível.


Relacionadas
Correio.play
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/esposa-de-ex-jogador-cantora-morre-apos-complicacoes-em-lipoaspiracao/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/netflix-divulga-teaser-da-terceira-temporada-de-the-crown/
A nova temporada irá focar no período da Guerra Fria, entre 1964 e 1977
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/gravida-passa-mal-apos-incendio-em-predio-de-brotas-veja-video/
Mulher foi atendida pelo Samu; causa do incêndio é desconhecida
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/marinheiro-salvou-filho-durante-incendio-em-lancha-na-baia-de-todos-os-santos/
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/homem-armado-invade-shopping-de-salvador-e-assusta-clientes/
Ele é suspeito de praticar assaltos em uma passarela perto do estabelecimento
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/anelis-assumpcao-apresenta-show-inedito-em-salvador-neste-sabado/
Anelis & Os Gostas é atração do Intercenas Musicais, na Commons
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/pai-e-preso-por-afogar-filho-de-2-anos-em-bacia-para-fazer-ex-sofrer/
Ele contou a amigo que foi traído pela mãe da criança e queria se vingar
Ler Mais
https://www.correio24horas.com.br/noticia/nid/black-alien-fala-sobre-novo-disco-estou-sendo-eu-mesmo/
Lançado em abril, Abaixo de Zero: Hello Hell é apresentado no Pelourinho neste sábado (21)
Ler Mais