Sem anúncio oficial, Lucas Fonseca encerra ciclo no Bahia de forma discreta

e.c. bahia
06.01.2022, 07:00:00
Lucas Fonseca teve o vínculo encerrado no último dia 31, mas estava afastado do Bahia desde outubro (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Sem anúncio oficial, Lucas Fonseca encerra ciclo no Bahia de forma discreta

Capitão do tricolor, zagueiro estava no clube há seis temporadas

O ciclo do zagueiro Lucas Fonseca com a camisa do Bahia terminou de forma discreta. Afastado do elenco  em outubro, sem nenhuma explicação por parte do Esquadrão, o defensor encerrou o contrato com o clube no último dia 31 e deixou o tricolor depois de seis temporadas consecutivas defendendo o time. 

Nesta quarta-feira (5), o presidente do Bahia, Guilherme Bellintani, foi questionado sobre a saída do zagueiro. Segundo o dirigente, a decisão pelo encerramento do vínculo do jogador foi tomada em conjunto com o próprio Lucas. 

"Lucas Fonseca é um jogador que teve história importante no clube, e a saída foi combinada com o atleta. Todo ciclo que começa também se encerra e estamos fazendo isso com todo respeito com o atleta e exatamente como foi combinado", disse.

Sem despedida, Lucas Fonseca deixa o Bahia após disputar mais de 300 jogos pelo tricolor (Foto: Felipe Oliveira/EC Bahia)

Guilherme Bellintani, no entanto, não deixou claro o motivo do Bahia nunca ter divulgado o afastamento e consequentemente a saída de Lucas Fonseca. O nome do defensor não aparece na lista de atletas que deixaram o clube após o Brasileirão. 

Em outubro, quando o zagueiro já não estava mais integrado ao grupo principal, Bellintani chegou a bancar a permanência e afirmou que possível saída aconteceria "alto nível". 

"É um jogador que tem história no clube. Não foi relacionado. Mas, se algum dia romper contrato, certamente será em alto nível e respeitando a história que ele tem com o clube e a história do clube com ele", afirmou Bellintani na época.

Aos 35 anos, Lucas Fonseca estava na sua terceira passagem pelo Bahia. A primeira aconteceu durante o Brasileirão de 2012. No ano seguinte ele jogou o Campeonato Paulista pelo Mogi Mirim e voltou ao Esquadrão no segundo semestre, ficando no clube até o fim de 2014. 

Depois de uma passagem pelo Tianjin Teda, da China, Lucas voltou ao tricolor em 2016 e seguiu no clube até o ano passado. Capitão da equipe, o zagueiro atuou em 320 jogos pelo Bahia. Em 2021, ele participou de 12 partidas. A última vez que esteve em campo foi na derrota por 2x0 para o Internacional, no estádio do Beira Rio. 

Com a camisa do Bahia, Lucas Fonseca conquistou os títulos do Campeonato Baiano de 2014, 2018, 2019 e 2020, além das Copas do Nordeste de 2017 e 2021. 

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas