Terror no Quênia mata 15, incluindo um norte-americano e 4 britânicos

mundo
16.01.2019, 07:56:00
Atualizado: 16.01.2019, 07:57:02
(AFP)

Terror no Quênia mata 15, incluindo um norte-americano e 4 britânicos

O atentado foi reivindicado pelo grupo islâmico somaliano al Shabaab

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

Os ataques a um hotel e a um centro comercial, em Nairóbi, no Quênia, deixaram pelo menos 15 mortos, entre eles, um norte-americano e quatro britânicos.

As autoridades buscam a identificação dos corpos. Há aproximadamente 30 feridos, incluindo uma mulher grávida. Para os agentes policiais do Quênia, os ataques têm motivações terroristas. O atentado foi reivindicado pelo grupo islâmico somaliano al Shabaab.

(AFP)
(AFP)
(AFP)

O Quênia tem sido alvo do grupo terrorista, que promoveu uma ação em 2013, que deixou dezenas de mortos em um shopping e, em 2015, uma ação na qual 150 estudantes morreram em uma universidade.

*Com informações da Telesur, emissora multiestatal de televisão com sede em Caracas, e as agências públicas Télam, da Argentina, e RTP, de Portugal

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas