Tiroteio em sinagoga dos Estados Unidos deixa ao menos 8 mortos

mundo
27.10.2018, 12:40:00
A sinagoga Tree of Life, onde o atirador está (Foto: Google Street View/Reprodução)

Tiroteio em sinagoga dos Estados Unidos deixa ao menos 8 mortos

Suspeito teria gritado "todos os judeus devem morrer"; ele já se entregou e foi identificado

Um atirador invadiu a sinagoga Tree of Life, em Pittsburgh, no estado da Pensilvânia, na manhã deste sábado (27). A polícia americana já fala em fatalidades, mas não confirma o número, afirmando apenas que "há vários mortos" e feridos. 

Segundo a emissora de televisão americana CBS, há, ao menos, oito vítimas fatais confirmadas. De acordo com a estação de rádio KDKA, quatro pessoas foram assassinadas no primeiro andar e três no porão. A empresa também afirma que o suspeito já se entregou.

A identidade do atirador foi confirmada como Robert Bowers, de 46 anos. Fontes policiais em entrevista à KDKA relataram que ele entrou no prédio gritando "todos os judeus devem morrer". O homem teria ficado ferido e foi levado ao hospital.

A SWAT, esqudrão de elite da polícia americana, esteve na sinagoga. Quatro policiais foram atingidos pelos disparos e tiveram que se proteger atrás de suas viaturas.

"É imperativo que os vizinhos da comunidade que cercam a sinagoga permaneçam em suas casas e se abriguem", disse o comandante Jason Lando à CNN. "Não saia da sua casa agora mesmo. Não é seguro".

O Departamento de Segurança Pública de Pittsburgh emitiu uma nota, via Twitter, em que pede que curiosos não vão ao local. "Alerta: Há um atirador ativo na área de Wilkins e Shady. Evite a área. Mais informações serão divulgadas quando estiverem disponíveis".

O presidente dos Estados Unidos também se manifestou pela rede social. "Assistindo aos eventos se desenrolando em Pittsburgh, Pensilvânia. Lei sendo aplicada na área. As pessoas em Squirrel Hill devem permanecer protegidas. Parece que há várias fatalidades. Cuidado com o atirador. Deus abençoe todos".

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas