Vitória é notificado por dívida de R$ 1,2 milhão por Walter Bou

e.c. vitória
29.05.2019, 15:43:00
Atualizado: 29.05.2019, 17:17:13
Walter Bou não balançou as redes e ainda deixou dívida no Vitória (Maurícia da Matta / EC Vitória)

Vitória é notificado por dívida de R$ 1,2 milhão por Walter Bou

De acordo com diretor jurídico, Leão está investigando o valor cobrado pelo Boca Juniors

Em momentos como o que vivemos, o jornalismo sério ganha ainda mais relevância. Precisamos um do outro para atravessar essa tempestade. Se puder, apoie nosso trabalho e assine o Jornal Correio por apenas R$ 5,94/mês.

O atacante Walter Bou passou pelo Vitória sem deixar saudade. Contratado como esperança de gols no Brasieirão em julho do ano passado, o argentino fez apenas oito jogos, não balançou as redes, amargou o rebaixamento para a Série B e ainda deixou uma dívida para o Leão.

O Vitória foi acionado pelo Boca Juniors, clube que emprestou o atleta, por causa de uma dívida de 305 mil dólares (R$ 1,22 milhão na cotação atual). De acordo com o diretor jurídico do rubro-negro, Dilson Pereira Júnior, o valor é referente ao distrato que o Vitória fez com o atleta. Bou deixou a Toca do Leão em janeiro deste ano.

"O Boca Juniors encaminhou uma notificação baseada nos contratos de execução e distrato realizados com o Vitória referentes ao atleta Walter Bou. Os contratos em geral previam uma contrapartida do Vitória pela cessão do atleta e o Boca alega que não houve tal pagamento. Nós estamos apurando internamente para saber se procede ou não a reclamação do Boca Juniors", explicou Dilson durante entrevista à Rádio Itapoan FM, na noite de terça-feira (28).

Ainda de acordo com Dilson, caso a dívida seja comprovada, o Vitória vai tentar negociar com o Boca Juniors. Walter Bou foi contratado e deixou o clube durante a gestão de Ricardo David. O atual diretor jurídico assumiu o cargo em abril, após a eleição de Paulo Carneiro à presidência.

“Se a gente verificar que há procedência no pedido do Boca Juniors, nós faremos de tudo para fazer uma composição dos melhores termos possíveis para o Vitória. Além dos valores ordinários do contrato, têm algumas multas na carta de cobrança e nós faremos de tudo para negociá-las. Isso se a gente considerar que o pedido do Boca Juniors tem procedência", continuou ele.

Após deixar o Vitória, Bou foi emprestado pelo Boca ao Unión La Calera, do Chile. Ele esteve em campo na terça-feira (28), na eliminação do seu time para o Atlético-MG, no estádio Independência, em Belo Horizonte, pela segunda fase da Copa Sul-Americana.

***

Em tempos de coronavírus e desinformação, o CORREIO continua produzindo diariamente informação responsável e apurada pela nossa redação que escreve, edita e entrega notícias nas quais você pode confiar. Assim como o de tantos outros profissionais ligados a atividades essenciais, nosso trabalho tem sido maior do que nunca. Colabore para que nossa equipe de jornalistas seja mantida para entregar a você e todos os baianos conteúdo profissional. Assine o jornal.


Relacionadas