LUTO

Bebê que viralizou durante tratamento de câncer morre seis meses após diagnóstico

Os vídeos de Maria Cecília com a mãe chegaram a atingir ao menos 1 milhão de visualizações

  • Foto do(a) author(a) Da Redação
  • Da Redação

Publicado em 9 de maio de 2024 às 20:03

Maria Cecília Crédito: Arquivo pessoal/Synthi Hellen

Não faz muito tempo que a pequena Maria Cecília, de apenas 1 ano e 4 meses, encantava a internet com seus vídeos comoventes durante o tratamento osteossarcoma, câncer que atinge os ossos. Nesta quarta-feira (8), a filha da influenciadora Synthi Hellen perdeu a batalha para a doença.

“Para nós você deixou a sua força, tão pequena e aguentou tamanha luta. As pessoas achavam que você precisava de mim, enquanto eu precisava de você”, disse a mão nas redes sociais.

Os vídeos de Maria Cecília com a mãe chegaram a atingir ao menos 1 milhão de visualizações. Synthi compartilhava relatos e experiências diárias que tinha com a filha e com isso, conquistaram os corações dos internautas, como é possível ver por meio dos comentários dos vídeos.

Maria Cecilia lutou boa parte de sua breve vida contra a doença. A garotinha foi diagnosticada quando tinha apenas 10 meses de vida. A mãe conta que apesar disso, a doença já estava em estágio avançado, chegando a ser necessária a amputação de uma das pernas da bebê. "Ela sofreu muita dor, porque o osteossarcoma é um câncer muito agressivo. Também foi um processo muito doloroso pra gente", contou.

Apesar de morar em Anápolis, no estado de Goiás, os pais de Maria precisaram se mudar para Barretos, em São Paulo para acompanhar o tratamento paliativo de filha.

Recentemente, o câncer da pequena influencer entrou em fase de metástase, período em que as células cancerígenas se espalham rapidamente através de diversos tecidos do corpo humano. Os rins de Maria Cecília já estavam com funcionamento prejudicado.