Bahia tem ao menos 68 mortes em confrontos policiais em setembro

Maior parte das mortes ocorreram durante operações policiais de combate ao tráfico de drogas

Publicado em 27 de setembro de 2023 às 20:39

Policiais se reunirão para encontrar endereços usados por criminosos
Policiais em ação neste mês de setembro Crédito: Alberto Maraux/SSP

A Bahia registrou pelo menos 68 mortes em confrontos policiais no mês de setembro. Segundo dados do Instituto Fogo Cruzado, que monitora casos de violência em Salvador e outras 13 cidades da Região Metropolitana, 61 mortes em confronto com as polícias Civil (PC) e Militar (PM) foram computadas até terça-feira (26). No entanto, o número de casos do tipo é maior, uma vez que o dado não inclui as cinco mortes registradas no município de Acajutiba na terça e as duas mortes ocorridas em Lauro de Freitas, na manhã desta quarta-feira (27).

A maior parte dos casos registrados neste mês foi em decorrência de operações policiais de combate ao tráfico. No Alto das Pombas, 10 suspeitos foram mortos em confronto com a Polícia Militar entre os dias 4 e 5 de setembro. Antes disso, na localidade, houve confronto entre as facções do Bonde do Maluco (BDM), que tem atuação na área, e o Comando Vermelho (CV), grupo rival que tenta invadir a lugar e tomar a região. A polícia precisou reforçar a ação no local, sobretudo depois que moradores foram feitos reféns

No dia 15 de setembro, o bairro de Valéria foi palco de uma megaoperação das policiais Civil e Federal, que resultou na morte do policial federal Lucas Caribé Monteiro, 42 anos, e de quatro homens suspeitos de fazerem parte de um grupo criminoso. O CORREIO mostrou que o bairro tem um histórico antigo de disputa de facções por possuir localização que facilita a atuação da criminalidade.

Durante operação batizada de Operação da Paz, nesta terça-feira (26), cinco suspeitos de tráfico de drogas foram mortos pela Polícia Militar em Acajutiba, no interior baiano. Segundo a PM, as equipes faziam intensificação de policiamento na Estrada do Cumbe, quando foram acionadas com denúncia de que homens fortemente armados estavam escondidos em um abrigo improvisado em uma área de mata.

Eles teriam atirado ao perceber a chegada dos policiais e tentado fugir, conforme diz a polícia, o que causou um tiroteio. Após a troca de tiros, sete homens foram encontrados feridos e foram socorridos a uma unidade de saúde da região, onde cinco deles não resistiram aos ferimentos, diz a PM.

Nesta quarta-feira (27), dois homens foram mortos pela polícia na região de Vila Praiana, em Lauro de Freitas, Região Metropolitana de Salvador. Segundo a Polícia Civil, equipes do Departamento Especializado de Investigações Criminais (Deic) e da Coordenação de Operações e Recursos Especiais (Core) faziam buscas na região para localizar suspeitos de tráfico de drogas quando foram recebidas a tiros. Houve revide e dois dos suspeitos foram baleados.