Bahia foi o terceiro clube que mais gastou em contratações na janela; veja os números

Tricolor foi superado apenas por Flamengo e Athletico-PR

  • D
  • Da Redação

Publicado em 3 de agosto de 2023 às 11:18

Reservas foram para o campo e treinaram sob o comando de Paiva
Rafael Ratão estava no futebol francês e foi comprado por cerca de R$ 13 milhões Crédito: Letícia Martins/EC Bahia

O Bahia foi o terceiro clube que mais gastou em contratações na janela do segundo semestre. O tricolor encerrou o período de transferências com cinco reforços.

Ao todo, o clube baiano desembolsou R$ 26,26 milhões em compras de direitos econômicos. O tricolor fica atrás apenas do Flamengo, que gastou R$ 91 milhões, e do Athletico-PR, com R$ 28,8 milhões. Oficialmente o Bahia não confirma as cifras.

Clubes que mais gastaram na janela de transferências do segundo semestre:

1º Flamengo - R$ 91 milhões

2º Athletico-PR - R$ 28,8 milhões

3º Bahia - R$ 26,26 milhões

4º Botafogo - R$ 23,5 milhões

5º Cruzeiro - R$ 16 milhões

Dos cinco atletas que chegaram, o lateral Gilberto e o atacante Rafael Ratão puxam a lista dos mais caros. O lateral direito foi comprado por cerca de R$ 13,2 milhões junto ao Benfica.

Campeão português na última temporada, ele chega ao Esquadrão com status de titular.

Rafael Ratão estava no Toulouse, da França, onde conseguiu se destacar nas duas últimas temporadas. Por ele, o Bahia pagou cerca de R$ 13,06 milhões.

Na janela, o clube baiano anunciou ainda as chegadas do goleiro Adriel, do lateral esquerdo Camilo Cándido e do meia Léo Cittadini. Os dois primeiros foram emprestados por Grêmio e Nacional-URU, respectivamente.

Cittadini assinou por duas temporadas após antecipar o fim do vínculo com o Athlético, previsto para se encerrar em dezembro.

Entre os clubes da Série A, o atacante Luiz Araújo foi o jogador mais caro da janela. O Flamengo pagou R$ 48 milhões ao Atlanta, dos Estados Unidos, para ter o atleta revelado no São Paulo.

O time carioca gastou mais R$ 43 milhões para tirar o volante Allan do Atlético-MG. O meia argentino Bruno Zapelli fecha o top-3. Ele pertencia ao Belgrano e foi adquirido pelo Athletico-PR por R$ 19 milhões.