MÚSICOS DA OSBA

Acusados de matar homem no Corredor da Vitória estão em liberdade provisória

O crime aconteceu no dia 23 de março

  • Foto do(a) author(a) Da Redação
  • Da Redação

Publicado em 11 de abril de 2024 às 14:23

Lincoln Sena, Laércio Souza Santos, Marcelo da Cunha Rodrigues Machado e Sérgio Ricardo Souza Menezes
Lincoln Sena, Laércio Souza Santos, Marcelo da Cunha Rodrigues Machado e Sérgio Ricardo Souza Menezes Crédito: Reprodução e Arisson marinho/CORREIO

Os acusados de matar um homem no Corredor da Vitória estão em liberdade provisória, desde a noite da última quarta-feira (10). O crime aconteceu no dia 23 de março. A informação foi confirmada pela defesa dos acusados.

O linchamento envolveu os músicos da Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba) Lincoln Sena Pinheiro (flautista) e Laércio Souza dos Santos (violista), além do designer Marcelo da Cunha Rodrigues Machado, namorado de Lincoln, e Sérgio Ricardo Souza Menezes, que mora no bairro e passava pelo local no momento da agressão.

Segundo a defesa dos acusados, Marcelo e Laércio foram abordados por Willy Santos da Conceição quando deixavam a McDonald's para ir até a casa de Lincoln. Ele simulava estar armado e teria arrancado o cordão de ouro de um deles e o agredido com um soco no rosto. Sérgio, que passava pelo local, teria se juntado ao trio para conter o assaltante. Segundo o advogado, Sérgio não conhecia os músicos.

De acordo com a Polícia Militar, o assalto deu início a uma briga na Avenida Sete de Setembro. Os policiais militares do 18º BPM foram acionados por testemunhas. Ao chegarem ao local, foram informados que quatro pessoas haviam espancado o homem.

Nas redes sociais, testemunhas do crime, que moram no Corredor da Vitória, relataram que pediram para que os homens parassem de agredir a vítima.